“O Inferno de Wall Street” e a linguagem da loucura

Ana Carolina Cernicchiaro

Resumo


Resumo: “O Inferno de Wall Street”, de Joaquim de Sousândrade, se aproxima do delírio não apenas por ameaçar a presumida obviedade do mundo de cada um, mas também por sua ausência de sentido, sua transgressão, sua fala anárquica, caótica e fragmentada. Esta poética transgride a forma e cria uma nova sintaxe, uma gramática do desequilíbrio. Como um estrangeiro em sua própria língua, Sousândrade revela um devir-menor da língua. Assim, sua sublime escritura experimenta um Fora que está sempre resistindo ao poder e que é capaz de nos restituir a crença na realidade.

Palavras-chave: Sousândrade, literatura, linguagem

 

Abstract: “O Inferno de Wall Street”, from Joaquim de Sousândrade, approximates itself to delirium not only because it threatens the obviousness of ones world, but also for its lack of sense, its transgression and its anarchic, chaotic and fragmentary speech. This poetic breaks the form and creates a new syntax, an unbalanced grammar. As a foreigner on his own language, Sousândrade exposes a “becoming-minor” of the language. Thus, his sublime writing experiment an “Out” that is always resisting power and that is able to restore our belief in reality.

Keywords: Sousândrade, literature, language


Texto completo:

PDF

Referências


AGAMBEN, Giorgio. Lo que queda de Auschwitz – El archivo y el testigo (Homo sacer III). Trad. Antonio Gimeno Cuspinera. Valencia: Pre-Textos, 2002.

______. Profanações. Trad. Selvino José Assmann. São Paulo: Boitempo, 2007.

AMARANTE, Dirce Waltrick do. A Terceira Margem do Liffey: Uma aproximação ao Finnegans Wake. Dissertação (Mestrado). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2001.

______. Sr. Lear, conhecê-lo é um prazer – O nonsense de Edward Lear. Tese (Doutorado). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2006.

ANTELO, Raúl. “Poesia e imagem”. In: Confraria do vento – Revista de literatura e arte. Disponível em: .

BARTHES, Roland. O rumor da língua. Prefácio Leyla Perrone-Moisés. Trad. Mario Laranjeira. 2ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

BLANCHOT, Maurice. The writing of the disaster. Trad. Ann Smock. Lincoln: University of Nebraska Press, 1995.

BODEI, Remo. As lógicas do delírio. Trad. Letizia Zini Antunes. Bauru: EDUSC, 2003.

BURKE, Edmund. “Investigação filosófica sobre a origem de nossas idéias do belo e do sublime”. In: LICHTENSTEIN, Jacqueline (org.). A pintura. v. 4: O Belo. Trad. Magnólia Costa (coordenação). São Paulo: Ed. 34, 2004.

CAMPOS, Haroldo de.; CAMPOS, Augusto de. Re Visão de Sousândrade. São Paulo: Perspectiva, 2002.

CUNHA, Fausto. O Romantismo no Brasil – De Castro Alves a Sousândrade. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1971.

DELEUZE, Gilles. Crítica e Clínica. Trad. Peter Pál Pelbart. São Paulo: Ed. 34, 1997.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Kafka: por uma literatura menor. Trad. Júlio Castañon Guimarães. Rio de Janeiro: Imago, 1977.

______. Mil Platôs – Capitalismo e Esquizofrenia. v. II. Trad. Ana Lúcia de Oliveira e Lúcia Cláudia Leão. Rio de Janeiro: Ed. 34, 1995.

FOUCAULT, Michel. “A Vida dos Homens Infames”. In: Estratégia, poder-saber. Coleção Ditos & Escritos IV. Trad. Vera Avelar Ribeiro. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2003.

GUTIÉRREZ, Pedro Juan. In: Revista Coyote. Londrina, n. 14, verão de 2006.

LEVY, Tatiana Salem. A experiência do Fora: Blanchot, Foucault e Deleuze. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2003.

LOBO, Luiza. Épica e Modernidade em Sousândrade. Rio de Janeiro: Presença, 1986.

LYOTARD, Jean-François. O Inumano – Considerações sobre o Tempo. Trad. Ana Cristina Seabra e Elisabete Alexandre. 2ª Ed. Lisboa: Editorial Estampa, 1997.

MACHADO, Roberto. Foucault, a filosofia e a literatura. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2000.

NANCY, Jean-Luc. Un pensamiento finito. Trad. Juan Carlos Moreno Romo. Barcelona: Anthropos Editorial, 2002.

OLIVEIRA, Alexandre de Amorim. “O narrador pós-moderno e o sentimento do sublime”. In: Dubito Ergo Sum - Caderno de Literatura e Filosofia. Disponível em: . Acesso em: dezembro de 2007.

PELBART, Peter Pál. A verigem por um fio. Políticas da subjetividade contemporânea. São Paulo: Editora Iluminuras, 2000.

SONTAG, Susan. A Vontade Radical. Trad. João Roberto Martins Filho. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.

SOUSÂNDRADE. Joaquim de. “O Guesa”. In: WILLIAMS, Frederick G.; MORAES, Jomar (orgs.). Poesia e Prosa Reunidas de Sousândrade. São Luís: Edições AML, 2003.




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i01p%25p

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional