Crônicas do Inferno

Carlos Torres-Marchal

Resumo


Resumo: São analisadas as últimas duas estrofes da primeira edição (Nova Iorque, 1877) do Inferno de Wall Street, de Joaquim de Sousândrade, com base em publicações disponíveis na época em que o autor morou em Nova Iorque e redigiu o texto em pauta. Referências à obra e vida do autor são também empregadas para colocar o material no seu contexto histórico. A análise mostra a complexidade na elaboração do Inferno, que vai muito além do caráter caótico e de nonsense, freqüentemente associado à obra de Sousândrade.

 

Abstract: The last two stanzas of the first edition (New York, 1877) of the Wall Street Inferno by Joaquim de Sousândrade are analyzed. Extensive use is made of publications available to the author when he resided in New York and wrote these texts. References to the life and work of the poet are presented to place the material in its appropriate historical context. The analysis shows the complex structure underlying the making of the Inferno, far beyond the chaotic and nonsensical character frequently associated with the work of Sousândrade.




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i01p%25p



 

Qualis (CAPES): B1 (Quadriênio 2013-2016)

Diretórios:


Indexadores:

 JURN: Get the research you need, free

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

 

 

Institucional