O plurilinguismo da divulgação científica no livro didático de língua portuguesa

Urbano Cavalcante Filho, Vânia Lúcia Menezes Torga

Resumo


Neste artigo, o objetivo é analisar o plurilinguismo da divulgação científica em um livro didático de língua portuguesa para o ensino médio, com o intuito de perceber como ‘o discurso de outrem na linguagem de outrem’ se manifesta nessa prática discursiva. Num primeiro momento, problematizamos as diferentes abordagens sobre a divulgação científica, a partir de diferentes proposições teóricas; num segundo momento, discutimos o conceito do plurilinguismo, apoiados na teoria bakhtiniana para, em seguida, analisarmos como os procedimentos plurilinguísticos se manifestam nessa prática discursiva e como os autores do livro didático apresentam sua concepção, exemplificação e questões de interpretação de textos, com vistas à formação de um produtor proficiente de textos de divulgação científica.

Texto completo:

PDF

Referências


ABAURRE, M. L. M.; ABAURRE, M. B. M.; PONTARA, M. Português: contexto, interlocução e sentido. São Paulo: Moderna, 2010.

BAKHTIN, M. O discurso no romance. In: Questões de literatura e estética. A teoria do romance. Trad. A.F. Fernadini et al. 6. ed. São Paulo: Hucitec, 2010. p. 71-210.

BRASIL. Ministério da Educação/Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. Guia de livros didáticos: PNLD 2012: Língua Portuguesa. Brasília: Secretaria de Educação Básica, 2011. 100 p. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/programas/livro-didatico/guia-do-livro/item/2988-guia-pnld-2012-ensino-m%C3%A9dio

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: terceiro e quarto ciclos do ensino fundamental: língua portuguesa. MEC/SEF: Brasília, 1998. 106 p. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/portugues.pdf

BRASIL. Secretaria da Educação Básica. Linguagens, Códigos e suas Tecnologias: Orientações curriculares para o ensino médio. V. 1. Brasília: MEC, 2006. 239 p. 106 p. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/book_volume_01_internet.pdf

BUENO, W. da C. Jornalismo científico no Brasil: os compromissos de uma prática dependente. 1984. Tese (Doutorado em Comunicação). Universidade de São Paulo, São Paulo, 1984.

BUNZEN, C.; MENDONÇA, M. Revistas de divulgação científica no ensino médio: múltiplas linguagens. In: Multiplas linguagens. São Paulo: Parábola, 2013.

CAMPOS, M. I. B. Questões de literatura e estética: rotas bakhtiniana. In: BRAIT, Beth (Org.). Bakhtin: dialogismo e polifonia. São Paulo: Contexto, 2012. p. 113-150.

CEREJA, William Roberto; MAGALHÃES, Thereza Cochar. Português: linguagens. Vol. 3. 8.ed.São Paulo: Atual, 2012.

FARACO, C. A. Linguagem e diálogo: as ideias linguísticas de Bakhtin. Curitiba: Criar Edições, 2003.

GRILLO, S. V. de C. Divulgação científica: linguagens, esferas e gêneros. (Tese Livre-docência) Faculdade Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. São Paulo: 2013. 333p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional