As construções de deslocamento à esquerda de sujeito nas falas culta e popular: um estudo de tendência

Mônica Tavares Orsini, Mayara Nicolau de Paula

Resumo


O presente artigo, fundamentado no modelo de estudo da mudança proposto por Weinreich, Labov e Herzog (2006[1968]), investiga uma das estratégias de construção de tópico marcado denominada deslocamento à esquerda de sujeito, nas falas culta e popular do PB, tendo em vista a mudança na marcação do Parâmetro do Sujeito Nulo, descrita por Duarte (1995). A ausência de restrições para as construções focalizadas contribui para a interpretação de ser o PB um sistema que caminha em direção às línguas de tópico, afastando-se, progressivamente, de outras línguas românicas como o francês e o português europeu.

Texto completo:

PDF

Referências


BERLINCK, Rosane de Andrade; DUARTE, Maria Eugênia Lamoglia; OLIVEIRA, Marilza de. 2009. Predicação. In: Mary Kato e Milton do Nascimento (Orgs.). Gramática do português culto falado no Brasil: a construção da sentença. Vol. III. Campinas: Editora da Unicamp. pp. 101-188.

CHOMSKY, Noam. 1981. Lectures on government and binding. Dordrecht: Foris.

CUNHA, Celso e CINTRA, Lindley. 2001. Nova gramática do português contemporâneo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira.

DUARTE, Maria Eugenia Lamoglia. 1995. A perda do princípio “Evite Pronome” no português brasileiro. Tese de Doutorado em Linguística. Campinas: Instituto de Estudos da Linguagem. Unicamp.

______. 2003. A evolução na representação do sujeito pronominal em dois tempos. In: Maria da Conceição de Paiva e Maria Eugenia Lamoglia Duarte (Orgs.). Mudança lingüística em tempo real. Rio de Janeiro: Contracapa. pp. 115-128.

DUARTE, Maria Eugenia Lamoglia e PAIVA, Maria da Conceição de. 2006 [1968]. Quarenta anos depois: a herança de um programa na Sociolinguistica brasileira. In: U. Weinreich; W. Labov; M. Herzog. Fundamentos empíricos para uma teoria da mudança linguística. (posfácio à tradução de Marcus Bagno). São Paulo: Parábola. pp. 131-151.

LABOV, William. 1994. Principles of linguistic change: internal factors. Vol. 1. Cambridge: Blackwell.

LI, Charles N. e THOMPSON, Sandra A. 1976. Subject and topic: a new typology of language. In: Charles N. Li (Ed.). Subject and topic. New York: Academic Press Inc.

MATEUS, Maria Helena Mira et alii. 2003. Gramática da Língua Portuguesa. 5 ed. Caminho: Lisboa. pp. 489-502.

ORSINI, Mônica Tavares. 2003. As construções de tópico no português do Brasil: uma análise sintático-discursiva e prosódica. Tese de doutorado em Língua Portuguesa. UFRJ, Rio de Janeiro.

ORSINI, Mônica Tavares e VASCO, Sérgio Leitão. 2007. Português do Brasil: língua de tópico e de sujeito. In: Diadorim – Revista de estudos lingüísticos e literários. nº 2.

PONTES, Eunice. 1987. O tópico no português do Brasil. Campinas: Pontes.

WEINREICH, Uriel; LABOV, William; HERZOG, Marvin I. 2006 [1968]. Fundamentos empíricos para uma teoria da mudança linguistica. São Paulo: Parábola.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.