Estudos Terminológicos e Aplicações da Filosofia da Linguagem

Márcia Ivo Braz, Nelly Medeiros Carvalho

Resumo


Partindo das percepções de Filosofia da Linguagem, com enfoque na Semiótica de Peirce e nas Investigações Filosóficas de Wittgenstein, o objetivo desse trabalho é relacionar teorias da Filosofia da Linguagem aplicáveis aos princípios da Terminologia Técnico-Científica. Para alcançar esse objetivo, foi realizada uma pesquisa bibliográfica na literatura de Filosofia, Linguagem e Terminologia tendo em vista a verificação das convergências entre aplicações comuns entre as três áreas. Esse estudo permitiu depreender que a Semiótica e a questão dos jogos de linguagem são requisito fundamental para que sejam compreendidos alguns dos princípios filosóficos da Terminologia Técnico-Científica como, por exemplo, o ponto de partida que é a linguagem natural. Porém, ela se torna especializada de acordo com contexto de uso profissional, no qual a comunicação por termos científicos se dá mediante representações de signos que, mais uma vez, só adquirem sentido se forem partilhados pelos membros da comunidade, ou seja, se todos os envolvidos na comunicação comungam das mesmas regras desse jogo de linguagem. Essas constatações também se relacionam com o conceito contemporâneo de Swales acerca das comunidades discursivas.

Palavras-chave


Filosofia da Linguagem. Terminologia. Jogos de Linguagem. Semiótica.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista IRIS  -  Informação, Memória e Tecnologia (ISSN: 2318-4183) é publicada pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Pernambuco e está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Based on a work at www.periodicos.ufpe.brPermissions beyond the scope of this license may be available at https://periodicos.ufpe.br/revistas/IRIS/index.