Percepção dos Cidadãos Sobre os Portais da Transparência do Governo Estadual e das Gestões Municipais em Pernambuco

Alann Inaldo Silva de Sá Bartoluzzio, Luiz Carlos Marques dos Anjos, Milena Rayane Lopes dos Santos, Rommel de Santana Freire

Resumo


Os portais da transparência vêm se consolidando como um canal de interação entre o governo e a sociedade, sendo um recurso que viabiliza a participação dos cidadãos no acompanhamento da implantação de políticas públicas, das prestações de contas e na fiscalização dos recursos públicos. Conhecendo sua importância, esse estudo buscou avaliar, a partir da ótica dos indivíduos, a percepção dos pernambucanos em relação aos portais da transparência dos governos municipais e da gestão estadual de Pernambuco. Através da aplicação de um questionário, elaborado com o que preconiza a literatura e de aspectos relativos à utilização dos portais da transparência, 124 pernambucanos foram consultados, sendo possível observar que pouco mais da metade faz sua utilização, com baixa frequência de acesso. Constatou-se, também, problemas em localizar as informações demandadas, além de obstáculos que abrangem a forma de disponibilização dos dados, linguagem empregada e a dificuldades em utilizá-las. Nesse aspecto, alguns problemas de acessibilidade poderiam ser solucionados com a disponibilização de um manual de navegação, de comentários explicativos para informações financeiras e a aplicação de ferramentas dinâmicas, como gráficos e mapas. Ademais, verificou-se que os portais se destacam como uma ferramenta de aproximação do governo com a sociedade e de fiscalização da aplicação dos recursos públicos. Por fim, o estudo destaca a relevância em compreender as demandas da sociedade sobre os portais eletrônicos para uma comunicação mais efetiva com os cidadãos, auxiliando no desenvolvimento de um instrumento mais assertivo para relação entre ambos. Esses resultados possuem potencial de contribuir as instituições governamentais no desenvolvimento de ferramentas mais efetivas sobre os portais da transparência, possibilitando que os cidadãos acessem e participem das atividades públicas com mais facilidade, ajudando assim no exercício do controle social.

Texto completo:

ARTIGO

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Organização:

Centro de Ciências Sociais Aplicadas

Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis - PPGCC/UFPE