imites de Regionalizações Para Elaboração de Estratégias Para o Desenvolvimento Regional

José Elmar Feger, Virgínia Elisabeta Etges, Adriana Marques Rossetto

Resumo


No debate sobre o planejamento estratégico regional, pouco se questiona sobre quais critérios
devem orientar a regionalização. Parece que ocorre  a consideração de um espaço geográfico
definido a priori, e o planejamento consiste em aprofundar conhecimentos sobre diversos aspectos
circunscritos nesse espaço específico, constituindo um obstáculo ao conhecimento como
instrumento de ação. O objetivo principal deste artigo é, a partir de um caso ilustrativo, discutir os
limites impostos ao planejamento estratégico, quando se adota uma região pré-definida, sem o
devido questionamento sobre sua validade para tal empreendimento. Como metodologia para
levantamento e tabulação dos dados, utilizaram-se os Quocientes Locacionais (QL), os quais
constituem um indicativo do potencial de desenvolvimento endógeno de municípios ou regiões.
Após o cálculo dos QLs das regiões e respectivos municípios, eles foram alocados em um mapa das
regiões, a fim de facilitar a análise espacial. Em virtude de se tratar de um estudo exploratório, não
se apresentam resultados conclusivos. Todavia, apresentam-se indícios de que as regionalizações
adotadas ao planejamento estratégico, por estarem definidas a priori, podem limitar a apreensão
da realidade e, por consequência, representar um obstáculo à ação pretendida.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


..................................................................................................................................................................................................................................................................................