CEMITÉRIOS PÚBLICOS EM PERNAMBUCO:ANÁLISE DA POLÍTICA PÚBLICA DE SECULARIZAÇÃO DOS SEPULTAMENTOS EM PERNAMBUCO NA PRIMEIRA REPÚBLICA (PUBLIC CEMETERIES IN PERNAMBUCO:ANALYSIS OF THE PUBLIC POLICY OF BURIAL SECULARIZATION IN PERNAMBUCO IN THE FIRST)

Pedro Frederico Falk, Ezequiel David do Amaral Canário, Sylvana Maria Brandão de Aguiar, Renan Vilas Boas de Melo Magalhães

Resumo


O eixo desta investigação é a análise da Política Pública de secularização dos Cemitérios implantada após a promulgação da República, em 1889. Desde os primórdios da Colonização brasileira até o ocaso do Império era a Igreja Católica que administrava os Cemitérios Públicos, acordo firmado com o Padroado e regulamentado pela Constituição do Arcebispado da Bahia em 1707. Nosso referencial teórico fez ilação entre reflexões e conceitos advindos da Gestão Pública, História, Antropologia e Sociologia entre os quais destacamos, respectivamente, Vanessa de Castro, Pierre Bourdieu e Michel Foucault. Nossa metodologia multidisciplinar procura primar pela confluência de lentes advindas da História Cultural de Roger Chartier ao conceituar práticas e representações. Nossa pesquisa possui natureza qualitativa, é exploratória, descritiva e bibliográfica. Do que foi pesquisado é possível afirma que houve, no alvorecer do século XX, um profundo conflito de poderes e micro poderes entre o Estado Brasileiro e a Igreja Católica sobre como enterrar corpos, sejam estes considerados desejáveis ou não.

 

Palavras-chave: Secularização de cemitérios; Conflitos; Igreja/Estado; Políticas Públicas.

 

Abstract

The focus of this research is to analyze the public policy of secularization of the Cemeteries implemented after the enactment of the Republic in 1889. Since the beginning of the Brazilian Colonization until the end of the Empire was the Catholic Church who toke care of the Publics Cemeteries, deal made with the Patronage and regulated by the Constitution of the Archbishopric of Bahia in 1707. Our theorist reference made links between reflections and concepts from Public Management, History, Anthropology and Sociology, from which we, respectively, highlight Vanessa de Castro, Pierre Bourdieu, and Michel Foucault. Our multidisciplinary methodology prioritizes the confluence of lenses from the Cultural History of Roger Chartier when conceptualizing practices and representations. Our research has qualitative nature, is exploratory, descriptive, bibliographic and constitutes a case study. From what was researched, is possible to say that there was in the dawn of twentieth century an intense conflict of powers and micro powers between the Brazilian State and the Catholic Church about the way of burying bodies, which can be considerate desirables or not.

 

Key-Words: Secularization of cemeteries; Conflicts; Church/State; Publics Policies.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DE EMPRESAS, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E TURISMO: B4; CIÊNCIAS AMBIENTAIS: B5; COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO: B5; ECONOMIA: B5; INTERDISCIPLINAR: B5; SOCIOLOGIA: B4. 

 

Publicação e Apoio:

 

 

RGP está indexada em:

 

Instituições de referência para a RGP: