PROPOSIÇÃO DE MODELO DE GESTÃO AMBIENTAL: O CASO DA MICROBACIA DO ALGODOAIS, CABO DE SANTO AGOSTINHO –PE NOMINATION OF ENVIRONMENTAL MANAGEMENT MODEL: THE CASE OF THE MICRO BASIN OF ALGODAIS, CABO DE SANTO AGOSTINHO - PE

Daniella C. D’Arolla Pedrosa, Sônia Valéria Pereira, Gilson Lima da Silva

Resumo


O homem configura-se como um grande agente transformador do ambiente natural, promovendo alterações em ritmo frenético em prol do desenvolvimento econômico. Associado a degradação ambiental, a falta de planejamento dos espaços geográficos concorre para a geração de conflitos e problemas complexos devido à inter-relação entre eles. A gestão ambiental de um recurso natural, num ambiente preponderantemente industrial situado no Porto de Suape é a proposta deste trabalho, que destaca a bacia hidrográfica como unidade de planejamento e gestão. Esta proposição de modelo de gestão foi precedida de um diagnóstico ambiental, de um levantamento das atividades industriais e das ocupações urbanas no entorno do riacho que permitiram a definição de ações, diretrizes e metas para uma gestão integrada na busca da melhoria da qualidade ambiental. A proposta final apresentada visa subsidiar a administração do Complexo Industrial Portuário na tomada de decisões e na implementação de uma Política Ambiental para o território de Suape, a partir da iniciativa de gestão da microbacia do Algodoais, seguindo a Política de Recursos Hídricos e os requisitos do Sistema de Gestão Ambiental (SGA)-ISO 14001:2004, que tem como princípios a prevenção da poluição, o atendimento à legislação e a melhoria contínua.

Palavras-chaves: Gestão Ambiental, Microbacia Algodoais, ISO 14001:2004

The man appears as a major agent of transformation of the natural environment, promoting change at a frantic pace in support of economic development. Associated with environmental degradation, lack of planning for geographic areas contributes to the generation of conflicts and problems due to complex inter-relationship between them. Environmental management of a natural resource, an industrial environment mainly located in the Port of Suape is the purpose of this work, which emphasizes the watershed as a unit of planning and management. This proposition management model was preceded by an environmental diagnosis of a survey of industrial activities and urban occupations in the vicinity of the creek that allowed the definition of actions, goals and guidelines for integrated management in pursuit of improved environmental quality. The final proposal presented aims to support the administration of the Port Industrial Complex in decision-making and implementation of an environmental policy for the territory of Suape from the watershed management initiative of the Algodoais, following the Water Resources Policy and the requirements of Environmental Management System (EMS), ISO 14001:2004, which has the principles of pollution prevention, the legal compliance and continuous improvement.

Keywords: Environmental Management, Watershed Algodoais, ISO 14001:2004


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DE EMPRESAS, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E TURISMO: B4; CIÊNCIAS AMBIENTAIS: B5; COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO: B5; ECONOMIA: B5; INTERDISCIPLINAR: B5; SOCIOLOGIA: B4. 

 

Publicação e Apoio:

 

 

RGP está indexada em:

 

Instituições de referência para a RGP: