ANÁLISE DE PROCESSOS SOB A PERSPECTIVA DA RACIONALIDADE: A AQUISIÇÃO DE MATERIAIS BIBLIOGRÁFICOS NA UFPE

Andreia Alcântara dos Santos, Nadi Helena Presser

Resumo


Analisa o processo de aquisição de itens bibliográficos adquiridos por compra pelo Sistema Integrado deBibliotecas da UFPE, entre os anos de 2008-2012, sob a luz da racionalidade instrumental. Foi escolhido oCurso de Gestão da Informação como estudo de caso. Utiliza o mapeamento de processos como uma importanteferramenta para visualização completa das atividades executadas na organização e de como é possívelidentificar as falhas e melhorar o processo a partir de uma descrição visual. O referencial teórico traz conceitossobre processos organizacionais, gestão de processos e a avaliação em bibliotecas como instrumento de apoioà gestão. Os instrumentos utilizados para coleta de dados foram entrevistas semiestruturadas, elaboradas deacordo com a função de cada participante envolvido no processo e também levantamento documental. Porfim, apresentam-se sugestões para o aprimoramento do processo em questão tomando por base os princípiosda racionalidade instrumental. Conclui-se que fatores importantes, explorados no estudo, comprometemfortemente o resultado final do processo, a exemplo do caso em pauta onde alguns títulos dos livros referentesàs bibliografias não estavam disponíveis para alcançar o padrão mínimo de qualidade nesse quesito, conformeestabelece o MEC.

Texto completo:

PDF

Referências


ALCÂNTARA, A. A. O processo de aquisição de materiais bibliográficos na UFPE sob a perspectiva da racionalidade:

mapeamento das etapas a partir do curso de gestão da informação. 2014. 135 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão

Pública para o desenvolvimento do Nordeste) – Universidade Federal de Pernambuco, , 2014.

ARAÚJO, L. C. G.; GARCIA, A. A; MARTINES, S. Gestão de processos: melhores resultados e excelência organizacional. São

Paulo: Atlas, 2011.

CHIAVENATO, I. Introdução à teoria geral da administração. 4. ed. São Paulo: Makron, 1993.

CURY, A. Organização e métodos: uma visão holística. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2000.

DAVENPORT, T. Reengenharia de processos. Rio de Janeiro: Campus, 1994.

GONÇALVES, J.E.L. As empresas são grandes coleções de processos. In: RAE - Revista de Administração de Empresas, São

Paulo, v. 40, n.1, jan./mar., p. 6-19, 2000.

HAMMER, M.; CHAMPY, J. Reengineering the corporation. New York: Harper Business, 1994.

NAMUR, P. Manuel du bibliothécaire. Bruxelles: Chez J. B. Tircher,1834.

OLIVEIRA, R. V. A Lei de Sarbanes-Oxley como nova motivação para mapeamento de processos nas organizações. In:

Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 26., 2006, Porto Alegre. Anais eletrônicos... Porto Alegre: ENEGEP, 2006.

Disponível em . Acesso em: 01 dez. 2013.

REIS, M. M. O.; BLATTMANN, U. Gestão de processos em bibliotecas. Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação,

Campinas, v. 1, n. 2, p. 1-17, jan./jun. 2004.

SILVEIRA, V. N. S. Racionalidade e organização: as múltiplas faces do enigma. Rev. adm. contemp., Curitiba, v.12, n. 4, oct./

dec. 2008.

TAYLOR, F. W. Princípios de administração científica. Tradução de Arlindo Vieira Ramos. 8. ed. São Paulo: Atlas, 1990.

VERGUEIRO, W. Desenvolvimento e avaliação de coleções. 2. ed. Brasília: Brinquet de Lemos, 1989.

WEBER, M. Ensaios de sociologia. 5. ed. Rio de Janeiro: LTC Editora, 1982.

WEBER, M. Economia e sociedade: fundamentos da sociologia compreensiva. Brasília: Editora Universidade de Brasília: São

Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 1999.

WEITZEL, S. da R. Critérios para seleção de documentos eletrônicos na internet. [2000]. Disponível em:

org/6491/1/Simone.pdf>. Acesso em: 20 jul. 2013.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DE EMPRESAS, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E TURISMO: B4; CIÊNCIAS AMBIENTAIS: B5; COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO: B5; ECONOMIA: B5; INTERDISCIPLINAR: B5; SOCIOLOGIA: B4. 

 

Publicação e Apoio:

 

 

RGP está indexada em:

 

Instituições de referência para a RGP: