Cecília: uma surdez em mim

Ermelinda Ferreira

Resumo


Resumo:

Este artigo contém o segundo dos três itens previstos para o ensaio intitulado “Cosmofonia osmaniana: a orquestração sonora simbólica em Avalovara”, e trata do tema da pastoral ao pastoril: sonoplastia de um regionalismo à beira-mar, um estudo sobre o capítulo Cecília entre os leões, de Avalovara. A ideia geral da pesquisa consiste em mostrar como os princípios básicos de consciência ecológica defendidos pelo World soundscape project de Murray Schafer subsistem no âmbito do exercício de criação de ambientações muito específicas por Osman Lins no romance Avalovara, como uma peculiar apropriação e releitura de um ainda incipiente, nos anos 1970, discurso preservacionista da natureza, que aparece transformado na defesa da natureza de um discurso reiteradamente ameaçado de extinção no século XX: o romanesco.

Palavras-chave: Avalovara de Osman Lins, Ambientação espacial, Paisagem sonora.

 

Abstract:

This paper contains the second of the three items planned for the essay entitled “Cosmofonia osmaniana: the symbolic sound orchestration in Avalovara”, and deals with the subject of the pastoral ministry: the sound design of a seaside regionalism, a study on the chapter Cecilia among lions of the novel Avalovara. The general idea of the research is to show how the basic principles of ecological awareness advocated by Murray Schafer’s World soundscape project remain at the core of the exercise of creating very specific ambiences by Osman Lins in his novel, as a peculiar appropriation and reinterpretation of the preservationist discourse of nature, still incipient in the 70s, which appears transformed in the defense of a discourse repeatedly threatened with extinction along the twentieth century: the romanesco.

Keywords: Osman Lins’ Avalovara, Spatial ambientation, Soundscape.


Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE JUNIOR, D. M. de. A invenção do Nordeste e outras artes. São Paulo: Cortez, 2009.

BUENO, L. Uma história do romance de 30. São Paulo: Edusp; Campinas: Unicamp, 2006.

CAZNOK, Y. B. Entre o audível e o visível. São Paulo: Editora Unesp, 2008.

DURAND, G. As estruturas antropológicas do imaginário. São Paulo: Martins Fontes, 2002.

FERREIRA, E. Ecologia acústica e ecologia literária: as propostas de R. Murray Schafer e Osman Lins. In: FARIA, Z. de; FERREIRA, E. Osman Lins: 85 anos. A harmonia de imponderáveis. Recife: Edufpe, 2009.

GARRARD, G. Ecocrítica. Brasília: Editora da UnB, 2006.

GLOTFELTY, C.; FROMM, H. (Org.). The ecocriticism reader. Athens; London: The University of Georgia Press, 1966.

GRACIÁN, B. A pocket mirror for heroes. New York: Current Doubleday, 1996.

LESSING, G. E. Laocoonte ou sobre as fronteiras da pintura e da poesia. São Paulo: Iluminuras, 1998.

LINS, O. Guerra sem testemunhas. O escritor, sua condição e a realidade social. São Paulo: Ática, 1974.

_______. Lima Barreto e o espaço romanesco. São Paulo: Perspectiva, 1976.

______. Do ideal e da glória. Problemas inculturais brasileiros. São Paulo: Summus, 1977.

______. Evangelho na taba. Outros problemas inculturais brasileiros. São Paulo: Summus, 1979.

_______. Avalovara. Rio de Janeiro: Guanabara, 1986.

______. Nove, novena. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

______. O diabo na noite de Natal. São Paulo: Companhia das Letrinhas, 2005.

MARTINS, E. S. O romance e seu direito ao grito: mimeses e representação em A hora da estrela e A rainha dos cárceres da Grécia. 2010. Tese (Doutorado em Letras) – Faculdade de Letras, Universidade Federal da Paraíba. João Pessoa, 2010.

PINTO, M. Pastoril: educação sentimental e construção do imaginário numa festa popular brasileira. Linhas Críticas, Brasília, v. 8, n. 14, jan./jun. 2002.

RORTY, R. Contingência, ironia e solidariedade. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

SCHAFER, R. M. A afinação do mundo. São Paulo: Editora Unesp, 2001.

TINHORÃO, J. R. A música popular no romance brasileiro. São Paulo: Ed. 34, 2000.

VASSALO, L. O sertão medieval. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1993.

ZUMTHOR, P. A letra e a voz: a literatura medieval. São Paulo: Companhia das Letras, 1993.




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i13p304-325

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional