O DESENVOLVIMENTO DO RACIOCÍNIO COMBINATÓRIO NA ESCOLARIZAÇÃO BÁSICA

Cristiane Azevedo dos Santos Pessoa, Rute Elizabete de Souza Rosa Borba

Resumo


Neste artigo discute-se a importância de se desenvolver entre os estudantes da escolarização básica o raciocínio combinatório, como uma forma de pensamento
que auxilia no aprendizado matemático, bem como de outras áreas do conhecimento, especificamente em conteúdos nos quais a sistematização de informações e análise das mesmas é necessária. Referenciais teóricos são apresentados que defendem a relevância da Combinatória no desenvolvimento de um pensamento lógico proposicional. Dados empíricos de um estudo realizado com 568 estudantes, de escolas públicas e particulares, do 2º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio serão apresentados e discutidos.Evidencia-se a influência da escolarização e, em particular, do ensino promovido na escola no desenvolvimento do raciocínio combinatório, bem como se reflete quanto à necessidade de serem considerados em sala de aula os variados significados, distintas relações e propriedades e diversificadas representações simbólicas que compõem as situações combinatórias.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36397/emteia.v1i1.2182

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2177-9309

Contato: revista.emteia@ufpe.br