MONITORING OF METHANE ON DAMS OF HYDROELECTRICS OF THE AMAZON BASIN FROM THE AQUA SATELLITE INFORMATION

Patrícia dos Santos Costa

Abstract


Estudos têm mostrado que as barragens de usinas hidrelétricas resultam em emissões de gases de efeito estufa (GEE’s) quando construídas em áreas florestadas nos trópicos. Tais emissões incluem o gás metano lançado na atmosfera em grande quantidade devido às alterações do nível de água, inundando e expondo grandes áreas de terra ao redor da margem. Atualmente, importantes instrumentos para estudar a concentração de GEE’s na atmosfera, principalmente sobre regiões de difícil acesso, são sondadores a bordo de satélites ambientais. Dentro desse contexto, este trabalho tem como objetivo estudar a variabilidade do metano na atmosfera sobre os reservatórios de Balbina, Tucuruí e Samuel, baseando-se em oito anos de dados (2003-2010) do sistema de sondagem do satélite ambiental AQUA. Além disso, faz-se também um estudo complementar sobre as variabilidades de precipitação e nível do reservatório (quando disponível). A metodologia utilizada se baseou em métodos matemáticos e estatísticos que incluem médias espaciais, anomalias, variância e a técnica de transformada de ondaleta. Os resultados mostraram que existe uma sazonalidade bem definida da concentração média de metano e que a variabilidade da anomalia de metano (em 200 mb) sobre os reservatórios é similar ao longo dos anos, exceto para o nível de 300 mb. Nos estudos de caso, os anos de 2008/2009 se destacaram por comportar dois eventos extremos (cheia e seca) que trouxeram impactos nos âmbitos econômicos, sociais e ambientais. A aplicação da técnica da transformada de ondaleta mostrou que o espectro de potência global apresenta picos dominantes na escala de tempo anual (0,7 a 1,2 anos), no entanto, pode-se notar nos períodos de 2005 a 2006 e 2008 a 2010 máximos valores do espectro de potência da ondaleta nessa escala de tempo. Os resultados deste estudo revelaram que as observações feitas pelo AQUA indicam que existe uma relação entre as condições climáticas, nível do reservatório e concentração de metano na atmosfera.

Keywords


Metano; Hidrelétricas da Bacia Amazônica; Satélite AQUA

Full Text:

PDF


DOI: https://doi.org/10.29150/jhrs.v4i2.22689

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Copyright (c)