Classificação Geomorfológica dos Estuários do Estado de Pernambuco (Brasil) com Base em Imagens do LANDSAT 5/TM (Geomorphologic Classification of Estuaries of the State of Pernambuco (Brazil) Based on Landsat 5 TM Images)

Janaina Barbosa da Silva, Josiclêda Domiciano Galvíncio, Antonio Carlos de Barros Corrêa, Danielle Gomes da Silva, Célia Cristina Clemente Machado

Resumo


O presente estudo visou classificar os quinze estuários do Estado de Pernambuco, adotando como base as características geomorfológicas. A base de dados utilizada para a classificação foram imagens de satélites do Landsat 5-TM. Foram realizadas análises visuais das imagens de satélite e posteriormente efetuados trabalhos de campo com o intuito de validar as interpretações realizadas. Na zona costeira pernambucana os estuários classificam-se como: Planície Costeira (vale inundado), Formado por Barras e por Outros Processos. As interações espaço-temporal dos processos ambientais durante o Quaternário foram de fundamental importância para a atual configuração das áreas estuarinas classificadas, tendo em vista que tectonismo, erosão e sedimentação recorrente das regressões e transgressões marinhas foram processos recursivos durante a formação dos estuários e que deixaram registros na paisagem. Foram definidos como planície costeira os estuários do Goiana/Megaó, Jaguaribe, Paratibe, Maracaípe, Sirinhaém e Formoso. Do tipo construído pro barra tem-se o Timbó, Beberibe, Jaboatão/Pirapama, Mamucabas/Ilhetas e Una. Estuários tipo ria são os de Itapessoca e Canal de Santa Cruz, enquanto os de laguna costeira são o Ipojuca e o Capibaribe.

 

Palavras-chave: Estuários, Zona Costeira Pernambucana, Quaternário

 

 

 

Geomorphologic Classification of Estuaries of the State of Pernambuco (Brazil) Based on Landsat 5 TM Images

 

ABSTRACT 

This study aimed to classify the fifteen estuaries of the State of Pernambuco-Brazil, using as base the geomorphological characteristics. The database used for the classification were satellite images of Landsat-5 TM. Were performed visual analysis of satellite images and were later made field work to validate the interpretations made. In the coastal zone of Pernambuco are found three classifications of estuaries: coastal plain (the flood plain), formed by bars and other processes. The space-time interactions of environmental processes during the Quaternary were of fundamental importance to the current configuration of estuarine areas classified in order to tectonics, erosion and sedimentation of the applicant marine transgressions and regressions were recursive processes during the formation of estuaries and left records in the landscape. Were defined as the coastal plain estuaries of Goiana/Megaó, Jaguaribe, Paratibe, Olinda, Sirinhaém and Formoso. Type built by bar has the Timbó, Beberibe, Jaboatão/Pirapama, Mamucaba/Ilhetas and Una. Estuaries are the kind of laughed Itapessoca and Channel and Santa Cruz, while the coastal lagoon and are Ipojuca and Capibaribe.

 

Key-words: Estuary, coastal Pernambuco, quaternary


Palavras-chave


Estuários, Zona Costeira Pernambucana, Quaternário

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5935/1984-2295.20110001



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License