Plano Setorial de Mitigação e Adaptação às Mudanças Climáticas para Consolidação da Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura – PLANO ABC (Sectoral Plan for Mitigation and Adaptation to Climate Change for a Consolidation Economy Low Carbon...)

Denise Deckers Amaral, Luiz Adriano Maia Cordeiro, Paulo Roberto Galerani

Resumo


A crescente concentração atmosférica de alguns Gases de Efeito Estufa (GEE) é comprovadamente a principal responsável pelo aquecimento global. Isto tem levado vários países a se preocuparem com as consequências desse fenômeno. O aquecimento da atmosfera está ocorrendo de forma não natural e por interferência humana, o que pode levar a mudanças no clima. Nas últimas décadas, tem sido observado aumento na frequência e intensidade de secas, inundações, ciclones, derretimento de geleiras, aumento do nível do mar, etc. Esta nova realidade climática pode afetar negativamente a agricultura e outras atividades econômicas. Muitas propostas têm sido apresentadas para atenuar os efeitos deste problema. No caso da agricultura, tecnologias sustentáveis podem ser adotadas para mitigar emissões de GEE, e ao mesmo tempo promoverem a retenção de carbono na biomassa e no solo. Durante a COP-15, em Copenhague, Dinamarca, o governo brasileiro assumiu um compromisso voluntário de redução das emissões de GEE projetadas para 2020, entre 36,1% e 38,9%, estimando assim uma redução da ordem de 1 bilhão de Mg de CO2 eq. 

Palavras - chave: Agricultura sustentável, política pública, agricultura de baixa emissão de carbono. 

 

Sectoral Plan for Mitigation and Adaptation to Climate Change for a Consolidation Economy Low Carbon Agriculture - ABC PLAN 

 

ABSTRACT

The greenhouse gases (GHG) concentration in the atmosphere are increasing and this process is the principal  cause of the Global Warming. The consequence of this phenomenon has worried many countries. The atmospheric warming is occurring by non-naturally means due to human interference and it can lead to climate change. In the last decades, it has been observed increasing intensity of dry seasons, floods, cyclones, tornadoes, melting glaciers, increase in sea level, etc. This new climate scenario can adversely affect agriculture and other economic activities. A lot of proposals have been presented to mitigate the effects of Global Warming. In agriculture, sustainable technologies can be adopted to mitigate GHG emissions, while promoting the retention of carbon in biomass and soil. In the last COP-15, in Copenhagen, Denmark, the Brazilian government committed to reducing GHG intensity by 36.1% and 38.9% by the year 2020. It is estimated that about 1 billion Mg CO2 equivalent will be sequestered from the atmosphere. 

Keywords: sustainable agriculture, public policy, agriculture in low-carbon.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v4.6.p1266-1274



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License