O Papel das Oleaginosas em um Cenário de Mudanças Climáticas no Semiárido Brasileiro (The Role of Oilseeds in a Climate Change Scenario in the Brazilian Semiarid)

João Nildo S. Vianna, Marcelo Castro Pereira, Laura M.G. Duarte, Magda E. Wehrmann

Resumo


Este trabalho tem por objetivo avaliar, ainda que de forma preliminar, os efeitos limitantes das mudanças climáticas na produção de oleaginosas agro-energética no semiárido brasileiro, nomeadamente a redução dos índices pluviométricos e aumento de temperatura. Para alcançar este objetivo usa-se como referência a evolução de variáveis climáticas, por meio da série histórica entre 1973 e 2010, e projeções futuras tendo por base os cenários de mudanças climáticas, desenvolvidos para o nordeste brasileiro até 2100. O recorte geográfico é a região de Irecê, no semiárido da Bahia, tradicional reduto da agricultura familiar e grande produtor de alimentos consorciado com oleaginosas. O estudo mostra que as culturas tradicionais de oleaginosas estão próximas aos limites de exigências hídricas, pelo que, para enfrentar as mudanças nos padrões climáticos, vai ser necessário um melhoramento genético das culturas tradicionais para que essa espécies consigam tolerar as restrições hídricas. Preconizando-se igualmente a introdução de espécies mais rústicas e com maior resistência ao estresse hídrico.

Palavras-Chave: Agricultura Familiar, Vulnerabilidade e Adaptação às Mudanças Climáticas, Biodiesel, Semiárido.

 

The Role of Oilseeds in a Climate Change Scenario in the Brazilian Semiarid

 

ABSTRACT

The present study aims to evaluate the effects of climate changes on the production of oilseed and energy crops in the Brazilian semiarid region. The study is based on the analysis of past climate, by evaluating a historic series of rain and temperature from 1973 to 2010. This historic series is, then, compared to a future climate prediction, based on climatic change scenarios developed for the Brazilian northeast until 2100. The geographic location of the study is the Irecê area of the State of Bahia, in the semi-arid northeast. That is a traditional family agriculture area with a strong food crop and oilseeds production. The study shows that traditional oilseed crops are being cultivated near the limits of their water needs. In order to face the climate changes, such crops would need to be genetically improved to increase their tolerance to water stress. An option would be to introduce species with higher level of tolerance to water stress.

Keywords: family agriculture, vulnerability and adaptation to climate changes, biodiesel, semiarid.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v5.6.p1426-1445



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License