Avaliação da Degradação da Caatinga do Município de Sumé-PB Estimado pelo Volume de Biomassa da Vegetação Lenhosa (Evaluation of the Deterioration of the Caatinga of the Municipality of Sumé-PB Estimated by Volume of Biomass of Woody Vegetation)

Paulo Roberto Megna Francisco, George do Nascimento Ribeiro, João Miguel de Moraes Neto, Keviane Pereira Aragão

Resumo


A fragilidade natural do meio, frente às ações de uso e ocupação do solo e da consequente susceptibilidade aos processos de degradação, são fatores preponderantes no que concernem os processos de desertificação, sendo que, a fragilidade encontra-se basicamente marcada pelas características climáticas e edáficas locais, e o mau uso do solo, em sistemas naturalmente secos, constitui o principal desencadeador dos processos de degradação que compõem a desertificação. A Paraíba se encontra como líder do ranking dos estados que mais desmatam no Nordeste, em particular a região do Cariri, é mapeada como grau de desertificação muito grave. O presente trabalho objetiva estimar e avaliar a degradação da biomassa da vegetação da caatinga do município de Sumé-PB, através de imagens de satélite de média resolução espacial utilizando o geoprocessamento. Utilizando o ERDAS para gerar o NDVI e o SPRING para a classificação através do LEGAL, realizou a estimativa do volume da biomassa da vegetação lenhosa e pelo índice de degradação da vegetação estimou a perda da biomassa. Por este trabalho pode-se concluir que o uso de geotecnologias foi possível mapear, classificar e analisar satisfatoriamente a área de estudo; Com a metodologia utilizada para estimar a degradação da vegetação através do IDVL, constatou-se que 45,64% da área estão em processo de perda de biomassa e degradação; Através do cálculo de volume de biomassa da vegetação pelo VBVL, pôde-se constatar que a o a área do município de Sumé está degradada, apresentando 52,11% em processo de perda de biomassa.

 

 

 

A B S T R A C T

The fragility of the natural environment, in the face of actions for use and occupation of land and consequent susceptibility to degradation processes are important factors that concern the processes of desertification, and the fragility is primarily marked by climatic and edaphic local, and misuse of soil, naturally dry systems, is the main precipitating factor of the degradation processes that make up the desertification. Paraíba is a leader in the ranking of the states that most deforestation in the Northeast, in particular the Cariri, is mapped as a very serious degree of desertification. The present work aims to estimate and evaluate the degradation of vegetation biomass of the Caatinga of the municipality of Sumé-PB, through satellite images of medium spatial resolution using GIS. Using ERDAS to generate the NDVI and SPRING for classification through LEGAL, performed the estimated volume of biomass of woody vegetation and the rate of degradation of vegetation estimated loss of biomass. For this study it can be concluded that the use of geotechnology was possible to map, classify and analyze satisfactorily the study area; With the methodology used to estimate the degradation of vegetation through IDVL, it was found that 45.64% of the area are in the process of biomass loss and degradation; By calculating the volume of vegetation biomass by VBVL, it could be seen that the area of the municipality of Sumé is degraded, with 52.11% in case of loss of biomass.

 

Keywords: Geoprocessing, Index Vegetation, Environmental Analysis 


Palavras-chave


geoprocessamento, índice de vegetação, análise ambiental

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v7.1.p117-129



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License