Estimativa de precipitação e vazões médias para a bacia hidrográfica do rio Itacaiúnas (BHRI), Amazônia Oriental, Brasil (Estimation of Precipitation and average Flows for the Itacaiúnas River Watershed (IRW) - Eastern Amazonia, Brazil)

Renato Oliveira Silva Júnior, Joaquim Carlos Barbosa Queiroz, Douglas Batista Silva Ferreira, Alexandra Lima Tavares, Pedro Walfir Martins Souza-Filho, José Tasso Felix Guimarães, Edson José Paulino Rocha

Resumo


Este artigo discute a relação entre dados observados de precipitação de sete estações meteorológicas e os dados resultantes de interpolação realizadas pelo Climate Prediction Center (CPC) para a área da bacia hidrográfica do rio Itacaiúnas (BHRI), Amazônia Oriental, no período de 1986-2005. O trabalho avalia também a aplicação de metodologias expeditas para estimar vazões médias mensais nas sub bacias, a partir de uma única estação de referência situada em seu exutório. As vazões foram estimadas pelos métodos de correção pela área de drenagem e de padronização de vazões médias comparadas com vazões medidas (1985-1995) em uma de suas sub bacias. Os resultados obtidos para a precipitação mostraram-se compatíveis com o comportamento sazonal definido para a região, cuja correlação entre os dados observados e os interpolados pelo CPC demonstram que estes representam bem a variabilidade espaço-temporal da precipitação na BHRI. A análise dos resultados das estações meteorológicas mostrou uma tendência de incremento na precipitação de leste para oeste, cujo comportamento pode estar associado a densa cobertura florestal que compõe o mosaico de Unidades de Conservação (UC’s), combinado com altitudes elevadas (600-800 m) da Serra de Carajás. A avaliação do comportamento das vazões da única estação (Fazenda Alegria) com série de dados fluviométricos disponíveis apresentou resultados consistentes com o comportamento sazonal das curvas de vazão dentro do ano hidrológico. Os métodos utilizados para a estimativa de vazões mostraram resultados diferenciados em termos absolutos, porém, as curvas de vazões estimadas acompanham o comportamento da curva de vazões medidas na estação Fazenda Rio Branco.

 

 

A B S T R A C T

This paper discusses the relationship between observed precipitation data from seven meteorological stations and the resulting interpolation data from the Climate Prediction Center (CPC) for the area of the Itacaiúnas river basin (BHRI), Eastern Amazonia, in the period 1986-2005. The work also evaluates the application of expeditious methodologies to estimate monthly average flows in the sub basins, from a single reference station located in its exutorio. The flow rates were estimated by the methods of correction by the drainage area and standardization of average flows compared to measured flows (1985-1995) in one of its sub basins. The results obtained for the precipitation were compatible with the seasonal behavior defined for the region, whose correlation between the data observed and those interpolated by the CPC show that they represent well the spatio-temporal variability of the precipitation in the BHRI. The analysis of the results of the meteorological stations showed a tendency of increase in the precipitation from east to west, whose behavior may be associated with dense forest cover that composes the mosaic of Conservation Units (UC's), combined with high altitudes (600-800 m) of the Serra de Carajás. The evaluation of the flow behavior of the single station (Fazenda Alegria) with a series of available fluviometric data presented results consistent with the seasonal behavior of the flow curves within the hydrological year. The methods used for the estimation of flow rates showed different results in absolute terms, however, the estimated flow curves follow the behavior of the measured flow curve in Fazenda Rio Branco station.

Keywords: Estimation, precipitation, flow, sub basin, Eastern Amazon 


Palavras-chave


Estimativa, precipitação, vazão, sub bacia, Amazônia Oriental.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v.10.5.p1638-1654



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License