Evolução Morfológica do Esporão Arenoso na Foz do Rio Itapocú, Município de Barra Velha/SC (Morphologic evolution of the sand spit in the foz of Itapocú river, municipality of Barra Velha, Santa Catarina state)

Dennis Newton Nass, Celso Voos Vieira,

Resumo


A análise da evolução geomorfológica possibilita entender os processos evolutivos envolvidos em sua constituição e propor ações planejadas para a adequada gestão dos ambientes costeiros. O presente estudo tem como objetivo caracterizar a evolução geomorfológica do esporão arenoso localizado junto à laguna de Barra Velha/SC, situada na foz do rio Itapocú a fim de subsidiar o planejamento do uso e ocupação do solo no citado ambiente. Para a obtenção dos dados quantitativos referentes à evolução morfológica foram adotadas imagens de satélite e aerofotos compreendidas entre os anos de 1938 a 2011, posteriormente foi realizada a análise histórica da largura e do comprimento esporão para períodos pré-definidos. De posse dos dados levantados foi realizado uma análise de agrupamento para identificar áreas homogêneas ao longo do esporão arenoso. Os mapeamentos identificaram que o esporão arenoso em estudo é uma região de alta instabilidade geomorfológica, com intensa migração lateral (sentido sul-norte). O esporão arenoso apresenta uma largura média menor a sul, próximo ao centro do município e maior a norte, próximo a foz do Rio Itapocú. A região de maior variabilidade de largura localiza-se próximo a foz do Rio Itapocú em virtude das alterações na circulação lateral do trecho litorâneo próximo à desembocadura provocado pelo rio, provavelmente em virtude do fenômeno de molhe hidráulico. Com relação aos aspectos geológicos, foi identificado que o esporão arenoso é constituído por deposito marinho praial (45%), seguido por depósitos lagunares (25%), antrópicos (18%) e eólicos (12%).

 

 

A B S T R A C T

The analysis of geomorphological evolution makes it possible to understand the evolutionary processes involved in its formation and to propose actions planned for the proper management of coastal environments. This study aims to characterize the geomorphological evolution of the sand spit located next to the Barra Velha/SC lagoon, at the mouth of the Itapocú River, in order to support the planning of the use and occupation of the soil in that environment. To obtain quantitative data on the morphological evolution, satellite images and aerial photographs understood to have been taken between 1938 and 2011 were adopted, after which a historical analysis of the width and length of the spit for predefined periods was carried out. With the data collected, a grouping analysis was carried out to identify homogeneous areas along the sand spit. The mappings identified that the sand spit being studied is a region of high geomorphological instability, with intense lateral migration (south to north direction). The sand spit has a lower average width to the south, near downtown of the municipality, and greater to the north, near to the mouth of the Itapocú River. The region with the greatest width variability is located near the mouth of the Itapocú River due to changes in the lateral circulation of the coastal stretch near the outflow caused by the river, probably because of the hydraulic breakwater phenomenon. With respect to geological aspects, it was identified that the sand spit is composed of beach marine deposits (45%), followed by lagoon deposits (25%), anthropogenic impact (18%) and wind power (12%).

Keywords: morphological evolution, sand spit, remote sensing 


Palavras-chave


Evolução morfológica, esporão arenoso, sensoriamento remoto

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5935/1984-2295.20170044



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License