Remote sensing applied in the vegetation cover analysis in the municipality of Taperoá – Paraíba

Júlia Soares Pereira, João Miguel de Moraes Neto, Viviane Farias Silva, Antonio Erivando Bezerra, Jaricélia Patrícia de Oliveira Sena

Resumo


The objective of this work was to identify and analyze the different vegetation cover classes in the municipality of Taperoá - Paraíba for the years 1990 and 2015. The images used were acquired in the INPE (National Institute of Space Research) catalog. The image selection criterion was based mainly on the number and distribution of clouds in the study area, TM images (Thematic Mapper) Landsat 5 and Landsat 8 Operational Land Imager (OLI) were selected with the release date of March 3, 1990 and May 6, 2015. The system used for the processing of georeferenced information was SPRING. It was possible to analyze that between 1990 and 2015 there was a reduction of areas covered by dense, sparse semi-dense, sparse + exposed soil and exposed soil; while areas of semi-dense and sparse vegetation showed a progressive increase. Population reports show that in 10 years the lack of rainfall intensified, causing greater exploration of activities such as extensive livestock farming and the exploration of previously abandoned areas. In the area studied, it was observed laminar erosion, with the presence of ravines, furrows and gullies; cattle and goat livestock activity; deforestation for pasture installation; variable population density in the different geographic limits, as well as the implementation of civil construction.

 

 

Sensoriamento remoto aplicado na análise da cobertura vegetal no município de Taperoá - Paraíba

R E S U M O

Este trabalho objetivou identificar e analisar as diferentes classes de cobertura vegetal no município de Taperoá – Paraíba para os anos de 1990 e 2015. As imagens utilizadas foram adquiridas a partir do catálogo de imagens do INPE (Instituto nacional de Pesquisas Espaciais). O critério de seleção das imagens baseou-se principalmente na quantidade e distribuição de nuvens na área de estudo, as imagens TM (Thematic Mapper) Landsat 5 e OLI (Operational Land Imager) Landsat 8 foram selecionados com data de passagem de 14/03/1990 e 06/05/2015. O sistema utilizado para o processamento de informações georreferenciadas foi o SPRING. Foi possível analisar que, no período de 1990 e 2015 houve uma redução das áreas cobertas por vegetação densa, semidensa rala, rala + solo exposto e solo exposto; enquanto as áreas de vegetação semidensa e rala, obtiveram progressivo aumento. Relatos da população mostram que em 10 anos intensificou a falta de chuvas, fazendo com que atividades fossem exploradas em número maior como a pecuária extensiva e outras áreas totalmente abandonadas. Observou-se então erosão laminar, com presença de ravinas, sulcos e voçorocas; exploração bovina e caprina; desmatamento para pastagem; densidade populacional variável nos diferentes limites geográficos, além de implantação de loteamentos da construção civil.

Palavras-chave: Geotecnologias, caatinga, redução da vegetação.


Palavras-chave


Geotechnology, Caatinga, vegetation reduction

Texto completo:

PDF (English)

Referências


Alves, J. J. A.; Araújo, M. A. de; Nascimento, S. S. do. Degradação da Caatinga: uma investigação ecogeográfica. In: Revista Caatinga - Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA): Mossoró - Brasil, v. 22, n3, p. 126-135. Julho/setembro 2009.

CAATINGA, Associação. Disponível em Fauna. http://www.acaatinga.org.br/index.php/o- bioma/sobre-o-bioma/fauna/ (Acesso em 25 de fevereiro de 2017).

Duarte, S. M. A. 2008. O desastre da Desertificação no município de Taperoá, Estado da Paraíba, Brasil. 2008, 238f. Tese (Doutorado em Recursos Naturais) – Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande-PB.

Farias, A. A.; SILVA, Miguel J.; Alves, T. L. B.; Barbosa, M. P.;Moraes Neto, J. M. Class Analysis of Vegetation Cover in Surrounding the Weir Manoel Marcionílo, Taperoá – PB. Revista Brasileira de Geografia Física. v.6 n.6 2013.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Diretoria de Pesquisas, Mapas de Biomas e de Vegetação, 2016.

Moraes, Denise. Bioma Caatinga. Disponível em: Acesso em: 25/04/2017.

Moreira, M. A. Fundamentos do sensoriamento remoto e metodologias de Aplicação. – 2a ed. Viçosa: UFV, 2004. 307p.

Neto, A. F. S.; Barbosa, M. P.; Moraes Neto, J. M.; Silva, M. J.; Filgueira, H. J. A. As composições multiespectrais ajustadas e a dinâmica vegetal em municípios do Cariri Ocidental da Paraíba - Brasil. Anais XIV Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto. Natal, Brasil, 25-30 abril 2009, INPE, p. 6249-6255.

Silva, M. J. 2011. Dinâmica da Degradação Ambiental na Bacia Hidrográfica do Açude Soledade. PB. Um Estudo temporal (1990-2010). 97 f. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais). Universidade Federal de Campina Grande.

Sousa, R. F.; Barbosa, M. P.; Guimarães, C. L.; Carvalho, A. P. 2007. Avaliação das classes de cobertura vegetal e mapeamento do uso atual dos solos no município de Itaporanga-Pb. Engenharia Ambiental - Espírito Santo do Pinhal, v. 4, n. 1, p. 080-088, jan/jun.

Sousa, R. F.; barbosa, M. P.; Carvalho, A. P.; Sousa Júnior, S. P.; Alencar, M. L. S. 2007. Geotecnologia no estudo da evolução espaço-temporal da cobertura vegetal do município de São João do Cariri-PB. Engenharia Ambiental - Espírito Santo do Pinhal, v. 4, n. 2, p. 060-067, jul/dez.

Thomaz, C; Costa, C. et al.. Análise da Degradação da Caatinga no Núcleo de Desertificação do Seridó. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental. v. 13. 2009. pp.961-974.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v13.3.p1381-1390

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License