Projeções da temperatura da superfície na bacia hidrográfica do rio Tietê – SP para o final do Século XXI

Murilo da Costa Ruv Lemes, Michelle Simões Reboita, Roger Rodrigues Torres, Gilberto F Fisch

Resumo


A bacia hidrográfica do rio Tietê tem sido afetada por mudanças em seu uso e cobertura do solo, principalmente às margens do rio Tietê, que influenciam diretamente a temperatura da superfície (Ts). Nesse contexto, o objetivo do trabalho é caracterizar sazonalmente a Ts na referida bacia e apresentar projeções dessa variável obtidas com o modelo ETA em alta resolução (5 km) nos cenários RCP4.5 e RCP8.5 e considerando 3 intervalos temporais: 2006-2040, 2040-2070, 2070-2100. Até o final do século XXI algumas áreas da bacia do rio Tietê, bem como sua região de foz, poderão apresentar aumento de até 5º C (8º C) no período entre 2070 - 2100 do cenário RCP4.5 (8.5), o que pode impactar tanto as atividades econômicas quanto o cotidiano da população.

 

Projections of surface temperature in the hydrographic basin of the Tietê river - SP for the end of the 21st century

 

A B S T R A C T

The hydrographic basin of the Tietê river has been affected by changes in its use and land cover, mainly on its banks, which directly influence the surface temperature (Ts). In this context, the objective of the work is to seasonally characterize the Ts in the referred basin and present projections of this variable obtained with the ETA model in high resolution (5 km), under the scenarios RCP4.5 and RCP8.5, and considering 3-time slices: 2006-2040, 2040-2070, 2070-2100. Some calculations (such as climatological averages and bias) were necessary to understand the magnitude of the changes that have occurred and those that may occur. By the end of the 21st century, some areas of the Tietê river basin, as well as its mouth region, may show an increase of up to 5º C (8º C) in the period between 2070 - 2100 of the RCP4.5 (8.5) scenario, which may impact both economic activities and the daily lives of the population.

Keywords: Climate Change; Hydrographic Basin; Sao Paulo


Palavras-chave


Mudanças Climáticas; Bacia Hidrográfica; São Paulo

Texto completo:

PDF

Referências


Ambrizzi, T., Reboita, M. S., Da Rocha, R. P., Llopart, M. 2019. The state-of-the-art and fundamental aspects of regional climate modeling in South America. Annals of the New York Academy of Sciences,1 – 23.

Amorim, M. C. 2005. Ilhas de calor em Birigui/SP. Revista Brasileira de Climatologia, v. 1, p. 121 – 131.

Barboza, E. C., Machado, A. J., Franchini, A. A. 2013. Estimativa do balanço de energia na superfície em cidades do oeste paulista, Brasil. Encontro Nacional de Conforto no Ambiente Construído, (pp. 1 - 7). Brasília.

Barros, H. R., Lombardo, M. A. 2016. A ilha de calor urbana e o uso e cobertura do solo em São Paulo-SP. GEOUSP: espaço e tempo, vol 2 160 – 177.

Calado, R. N., Derecynski, C. P., CHOU, S. C., Sueiro, G., Oliveira, J. D., Silva, V. R. 2018. Avaliação do Desempenho das Simulações por Conjunto do Modelo Eta-5km para o Caso de Chuva Intensa na Bacia do Rio Paraíba do Sul em Janeiro de 2000. Revista Brasileira de Meteorologia, 83 – 96.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Acesso em 05 de Junho de 2018, disponível em https://www.ibge.gov.br/, 2018.

INTERGOVERNMENTAL PANEL ON CLIMATE CHANGE. United Nations. Access in December 06 in 2019, Available in https://www.ipcc.ch/, 2018.

Marengo, J., Obregon, G., Ramirez, V. 2013. Observed and projected changes in rainfall. Climate Research, 57, 61 – 72.

Mendonça, F. O. 2000. O clima urbano de cidades de porte médio e pequeno: aspectos teórico-metodológico e estudos de caso. Vulnerabilidade e Mudanças Climáticas, 167 - 192.

PLANO DE BACIA DO RIO TIETÊ. Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo (USP) Comitê de Bacia Hidrográfica, 1 – 55. Disponível em: http://www.sigrh.sp.gov.br/public/uploads/documents/7111/pat_sumario_executivo.pdf, 2018.

Peres, L. F., Lucena, A. J., Rotunno Filho, O. T., França, J. A. 2018. The urban heat island in Rio de Janeiro, Brazil, in the last 30 years using remote sensing data. International Journal of Applied Earth Observation and Geoinformation, 64, 104-116.

Ruv Lemes, M. C., Reboita, M. S., Torres, R. R. Elementos Fisiográficos e a Precipitação no Estado de São Paulo. In: XVIII Simpósio Brasileiro de Geografia Física, 2019, Fortaleza. Elementos Fisiográficos e a Precipitação no Estado de São Paulo.

Tang, R., Zhao, X., Zhou, T., Jiang, B., Wu, D., Tang, B. 2018. Assessing the impacts os urbanization on albedo in Jing-Jin-Ji region of China. Remote Sensing, 10(1096), pp. 1 – 21.

Villamayor, J., Ambrizzi, T; Mohino, E; 2018. Influence of decadal sea surface temperature variability on northern Brazil rainfall in CMIP5 simulations. Climate Dynamics, v. 51, n. 1-2, p. 563-579, v. 2.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v13.07.p3206-3218

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License