A crítica pós-colonial a partir de Darcy Ribeiro: uma releitura de o povo brasileiro

Adelia Maria Miglievich-Ribeiro

Resumo


O Povo Brasileiro de Darcy Ribeiro narra a saga de uma gente que nasceu sob o cruel processo de de dissolução de sua identidade – tupi, afro, luso – para, na superação de sua ninguendade renascer como um novo gênero humano. Neste artigo, inicio um diálogo entre Darcy Ribeiro e a crítica pós-colonial que reivindica a expansão da história mundial através do reconhecimento dos povos que foram obscurecidos na narrativa da modernidade ocidental. Enfatizo também algumas possibilidades de conexões com as ideias presentes em Appiah e em Said sobre um novo universalismo baseado no hibridismo e na diversidade. Finalmente, utilizo o conceito de modernidade partilhada a fim de incluir a 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 REALIS | Revista de Estudos AntiUtilitaristas e PosColoniais - ISSN: 2179-7501



Creative Commons CC Atribuição Não comercial, sem derivação 4.0.