Crítica pós-colonial nos domínios de língua portuguesa: pautando desafios epistemológicos

Júlia Almeida

Resumo


A oportunidade de abrir um diálogo sobre desafios epistemológicos articulando Brasil e países da África de língua oficial portuguesa nos coloca diante de um debate maior que se faz a partir de posições diversas da crítica pós-colonial nos espaços de colonização portuguesa, da qual este trabalho pretende levantar, relacionar e discutir uma pauta de indagações e gestos de pesquisa. Partiremos de um panorama de vertentes do pós-colonialismo (inglês, francês e hispano-americano) para, então, pontuar as iniciativas e os desafios que têm mobilizado estudos pós-coloniais nos variados tempos-espaços de língua oficial portuguesa.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 REALIS | Revista de Estudos AntiUtilitaristas e PosColoniais - ISSN: 2179-7501



Creative Commons CC Atribuição Não comercial, sem derivação 4.0.