As razões para (cui)dar. Olhando o cuidado familiar a partir do paradigma da dádiva.

Joana Pimentel Alves

Resumo


É comum afirmar-se que a família cuida por falta de alternativas formais. O presente texto propõe um olhar diferente para esta questão. Olhando o cuidado familiar a partir do paradigma da dádiva, irá mostrar como a fragilidade do Estado Social só explica parte da questão, e que as motivações para se cuidar são muito mais complexas. A importância simbólica que a relação de cuidado tem na vida de quem cuida e a retribuição afetiva que essa relação oferece, mostram como as relações de cuidado são legíveis sobretudo a nível simbólico, e a importância da teoria da dádiva para compreender estas relações. 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 REALIS | Revista de Estudos AntiUtilitaristas e PosColoniais - ISSN: 2179-7501



Creative Commons CC Atribuição Não comercial, sem derivação 4.0.