Violência e mestiçagem: a origem da família brasileira na obra de Darcy Ribeiro

João Azevedo Fernandes

Resumo


O papel das sociedades indígenas no processo de formação da famí-
lia brasileira ainda é pouco estudado pela historiografia. A obra de
Darcy Ribeiro, com sua ênfase no contato interétnico e nas relações
familiares entre europeus e índios, pode servir como ponto de partida para uma análise que esclareça as formas pelas quais a sociedade
brasileira, em seus primórdios, foi influenciada pelas estruturas
sociais das sociedades nativas que sofreram o primeiro impacto da
expansão européia. Neste artigo, serão estudados alguns temaschave no trabalho de Ribeiro, especialmente a figura do mameluco e a
instituição do cunhadismo, vistos por Ribeiro como pontos centrais
para a formação da família no Brasil.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista ANTHROPOLÓGICAS
AV. Prof. Moraes Rêgo, 1.235. 13° andar
Cidade Universitária
50.670-901 - Recife - PE - Brasil
Tel.: (55) (81) 2126-8286 | Fax: (55) (81) 2121-8282
E-mail: anthropologicas@ufpe.br