‘Espetacularização’ e ‘canibalização’ das culturas populares na América Latina

José Jorge de Carvalho

Resumo


Este ensaio oferece um quadro teórico para a compreensão de dois processos estéticos, políticos e econômicos que afetam as cul-turas populares em praticamente todos os países latino-america-nos: a „espetacularização‟ e a „canibalização‟. Esses dois processos estão vinculados a uma mercantilização das formas culturais tradi-cionais, que são expropriadas dos seus circuitos comunitários por agentes externos a serviço do turismo e do entretenimento. Pro-ponho um modelo conceitual para articular as intervenções de todos os agentes envolvidos nessa conjuntura: os artistas popu-lares e suas associações, os organismos do Estado, os pesquisa-dores e intelectuais, a sociedade civil, os produtores culturais, a indústria cultural, as empresas de turismo e as de publicidade. O objetivo do ensaio é estimular cada vez mais o protagonismo dos mestres, mestras e artistas na preservação e nas dinâmicas de crescimento e transformação das culturas populares.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista ANTHROPOLÓGICAS
AV. Prof. Moraes Rêgo, 1.235. 13° andar
Cidade Universitária
50.670-901 - Recife - PE - Brasil
Tel.: (55) (81) 2126-8286 | Fax: (55) (81) 2121-8282
E-mail: anthropologicas@ufpe.br