Por uma perspectiva concêntrica do catolicismo brasileiro

Mísia Lins Reesink

Resumo


O uso da palavra ‘popular’ qualificando o termo ‘religião’ ou ‘catolicismo’ é bastante recorrente nas ciências sociais. Tal qualificação tende, contudo, a introduzir uma dicotomia no campo da religião. Apesar de todas as recomendações e do reconhecimento de que se trata de um epíteto problemático, a maior parte dos pesquisadores continua a usá-lo. Contrapondo-se a isto, este trabalho pretende demonstrar que uma visão dicotômica do catolicismo brasileiro não consegue captar toda a dinâmica e a tensão existente entre o seu pluralismo e o seu universalismo. Baseado em experiência etnográfica entre católicos do bairro de Casa Amarela (Recife-Brasil), e estabelecendo um diálogo com a literatura produzida sobre o tema, ele tem por objetivo propor um modelo de compreensão que objetiva ir além da abordagem dicotômica desta religião, pensando o catolicismo brasileiro a partir de uma perspectiva concêntrica.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista ANTHROPOLÓGICAS
AV. Prof. Moraes Rêgo, 1.235. 13° andar
Cidade Universitária
50.670-901 - Recife - PE - Brasil
Tel.: (55) (81) 2126-8286 | Fax: (55) (81) 2121-8282
E-mail: anthropologicas@ufpe.br