Estudantes Cabo-verdianos do Ensino Superior no Brasil e em Portugal: Projeto de vida e elaboração de identidades

Daniele Ellery Mourão

Resumo


Tendo como foco de reflexão a produção de novas identidades em situação de trânsito ou migração temporária e a importância da formação superior para Cabo Verde, o artigo compara as trajetórias de estudantes cabo-verdianos no Brasil e em Portugal, em busca da
construção de seus projetos de vida. Deixar o país para estudar no exterior é vivido por muitos jovens como um destino e um sonho de vida melhor, para ter uma formação acadêmica de qualidade, ascender socialmente, e conhecer outros lugares de onde eles têm
notícias de sucessos pelos que partiram. Por meio de uma análise que contempla a saída, a permanência e o regresso, tendo em vista os processos de interação com diversos grupos sociais dentro e fora da universidade, vivenciando tensões identitárias e raciais, o texto
discute o impacto do trânsito para a reelaboração das identidades, do pertencimento, e efetivação dos projetos de vida e profissionais dos estudantes.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista ANTHROPOLÓGICAS
AV. Prof. Moraes Rêgo, 1.235. 13° andar
Cidade Universitária
50.670-901 - Recife - PE - Brasil
Tel.: (55) (81) 2126-8286 | Fax: (55) (81) 2121-8282
E-mail: anthropologicas@ufpe.br