Sobre as Formas Sociais da Mudança Individual: o testemunho em centros de recuperação pentecostaisde recuperação

Cesar Pinheiro Teixeira, Beatriz Brandão

Resumo


Este trabalho reúne elementos de duas pesquisas distintas, realizadas pelos respectivos autores, em suas teses de doutoramento, sobre centros de recuperação pentecostais. Se, por um lado, a verdade dos relatos de conversão não são questionados pelos pesquisadores, a fim de compreender da forma menos assimétrica possível os valores e as lógicas em jogo; por outro, a verdade da conversão é recorrentemente investigada pelos próprios atores pesquisados. Para boa parte deles, é fundamental saber, por exemplo, quem “realmente quer mudar” e quem “se esconde atrás da Bíblia”. Terminam por desenvolver, na prática, uma espécie de ética da transformação, o que lhes auxilia a operar com “testemunhos autênticos” e “falsos testemunhos”. As consequências de possíveis confusões são de extrema relevância sociológica, pois saber operar com uma certa gramática do testemunho é fundamental para a para a construção da credibilidade desses centros e, principalmente, para sua expansão.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista ANTHROPOLÓGICAS
AV. Prof. Moraes Rêgo, 1.235. 13° andar
Cidade Universitária
50.670-901 - Recife - PE - Brasil
Tel.: (55) (81) 2126-8286 | Fax: (55) (81) 2121-8282
E-mail: anthropologicas@ufpe.br