A vivência da amamentação na ótica de puérperas: contribuições para a enfermagem

Liese Klimeck Brauner Pissolato, Camila Neumaier Alves, Lisie Alende Prates, Laís Antunes Wilhelm, Lúcia Beatriz Ressel

Resumo


RESUMO

Objetivo: conhecer a vivência de puérperas acerca da amamentação. Método: estudo descritivo, com abordagem qualitativa, desenvolvido com dez puérperas em dezembro de 2013, em um município no interior do Rio Grande do Sul/RS. Os dados foram produzidos por meio de entrevista individual semiestruturada e analisados pela proposta operativa. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, CAEE 22960613.3.0000.5346. Resultados: a amamentação apresenta-se como um evento influenciado culturalmente, que reforça a identidade materna. O conhecimento das participantes em relação aos benefícios desta prática é restrito e está atrelado principalmente à saúde da criança. O companheiro revela-se como um aliado na adesão e continuidade da amamentação, mas ainda não reconhece o seu papel nesse processo. Conclusão: a amamentação é uma prática que carece de ser centralizada na conjugalidade e completitude, envolvendo, assim, o companheiro nas ações de apoio, proteção e promoção à amamentação. Descritores: Aleitamento Materno; Cultura; Enfermagem.

ABSTRACT

Objective: to know the experience of recent mothers about breastfeeding. Method: a descriptive study with a qualitative approach, developed with ten recent mothers in December 2013, in a city in the interior of Rio Grande do Sul/RS. The data was produced through individual semi-structured interview and analyzed by the operative proposal. The research project was approved by the Research Ethics Committee, CAEE 22960613.3.0000.5346. Results: breastfeeding is shown as a culturally influenced event, which reinforces maternal identity. Knowledge of participants about the benefits of this practice is restricted and is linked mainly to children´s health. Their partners is an ally in its adherence and continuing breastfeeding, but also recognize their role in this process. Conclusion: breastfeeding is a practice centered on the conjugality and completeness, involving the partner in actions to support, protect and promote breastfeeding. Descriptors: Breastfeeding; Culture; Nursing.

RESUMEN

Objetivo: conocer la experiencia de puérperas acerca de la lactancia. Método: estudio descriptivo con enfoque cualitativo, desarrollado con diez puérperas en diciembre de 2013, en una ciudad en el interior de Rio Grande do Sul/RS. Los datos fueron producidos por medio de entrevista individual semi-estructurada y analizados por la propuesta operativa. El proyecto de investigación fue aprobado por el Comité de Ética en Investigación, CAEE 22960613.3.0000.5346. Resultados: la lactancia se presenta como un evento influenciado culturalmente, que refuerza la identidad materna. El conocimiento de las participantes en relación a los beneficios de esta práctica es restricto y está ligado principalmente a la salud del niño. El compañero se revela como un aliado en la adhesión y continuidad de la lactancia, pero todavía no reconoce su papel en ese proceso. Conclusión: la lactancia es una práctica que parece ser centralizada en la conyugalidad y completitud, envolviendo, así, el compañero en las acciones de apoyo, protección y promoción a la lactancia. Descriptores: Lactancia Materna; Cultura; Enfermería.


Palavras-chave


Aleitamento Materno; Cultura; Enfermagem.

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v9i8a10660p8771-8777-2015



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios