Condições de vida e de saúde de mulheres em uma unidade prisional feminina

Erica Surama Rbeiro César Alves, Jamili Anbar Torquato, Rejane Marie Barbosa Davim, Luciana Ferreira Monteiro e Oliveira, Erta Soraya Ribeiro César Rodrigues, Mércia de França Nóbrega

Resumo


RESUMO

Objetivo: investigar as condições de vida e de saúde de mulheres em uma unidade prisional. Método: estudo epidemiológico transversal, exploratório-descritivo, com abordagem quantitativa. A amostra foi composta por 37 mulheres que se encontravam em regime de privação no Presídio Feminino Regional de Patos/PB. A coleta de dados foi por meio de entrevista no período de agosto a setembro de 2011, tabulados em planilha do Programa Excel for Windows. Em seguida, para as análises, foi utilizado o pacote estatístico SPSS Inc. versão 18.0 para proceder às análises descritivas. Resultados: a vida dentro da prisão possui características únicas e a forma como se encontra a população confinada precisa de atenção especial, visto que são mais propensas e têm maior risco para o processo de adoecimento. Conclusão: o estudo revelou existência de inúmeros problemas afetando as condições de vida, acesso e direitos à saúde da população carcerária feminina. Descritores: Droga; Condições de Vida; Direito à Saúde Mulher; Prisões.

ABSTRACT

Objective: to investigate living and health conditions of women in a prison unit. Method: cross-sectional, epidemiological, descriptive and exploratory study with quantitative approach. The sample consisted of 37 women who were under deprivation regime at the Regional Female Prison of Patos/PB. Data collection was done by interviews, from August to September 2011, which were organized in a Excel for Windows spreadsheet. In sequence, the statistical package SPSS Inc. version 18.0 was used for descriptive analyzes. Results: life in prison has unique features and the ways this population is confined needs special attention as they are more likely to have increased risks of disease processes. Conclusion: the study revealed the existence of many problems affecting the living conditions, access to services and rights for health among the female prison population. Descriptors: Drug; Life Conditions; Right to Woman’s Health; Prisons.

RESUMEN

Objetivo: investigar las condiciones de vida y de salud de mujeres en una prisión. Método: estudio epidemiológico transversal, exploratório-descriptivo, com enfoque cuantitativo. La muestra fue compuesta por 37 mujeres que se encontraban en régimen de privación en el Presidio Femenino Regional de Patos/PB. La recolección de datos fue por medio de entrevista en el período de agosto a septiembre de 2011, colocados en planilla del Programa Excel for Windows. En seguida, para los análisis, fue utilizado el paquete estadístico SPSS Inc. versión 18.0 para proceder a los análisis descriptivos. Resultados: la vida dentro de la prisión posee características únicas y la forma cómo se encuentra la población confinada precisa de atención especial, ya que son más propensas y tienen mayor riesgo para el proceso de enfermarse. Conclusión: el estudio mostro la existencia de innúmeros problemas afectando las condiciones de vida, acceso y derechos a la salud de la población carcelaria femenina. Descriptores: Droga; Condiciones de Vida; Derecho a la Salud de la Mujer; Prisiones.


Palavras-chave


Droga; Condições de Vida; Direito à Saúde Mulher; Prisões.

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v10i3a11046p958-968-2016



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios