Tolerância da pele às preparações alcoólicas: subsídios para melhoria das práticas de higiene das mãos

Gabriela Machado Ezaias, Evandro Watanabe, Camila Megumi Naka Shimura, Annecy Tojeiro Giordani, Helena Megumi Sonobe, Denise de Andrade

Resumo


RESUMO

Objetivo: avaliar a tolerância da pele de profissionais de enfermagem em relação às duas preparações alcoólicas com a aplicação do protocolo da “Estratégia Multimodal para melhoria da HM”. Método: estudo cross-over, randomizado e duplo-cego com 42 profissionais de enfermagem de um hospital público de média complexidade. Resultados: não houve tolerância positiva para o handrub para a característica aparência, porém destacaram-se aspectos relacionados à integridade e à umidade. Para o álcool em gel, houve tolerância positiva para aparência e sensação. Evidenciou-se maior tolerância, após a utilização do álcool em gel. Na autoavaliação, para o handrub, somente a característica aparência não apresentou tolerância positiva. Para as avaliações objetivas, houve diminuição dos casos pele seca e/ou vermelha, e muito seca com aparência esbranquiçada após a utilização de ambas as preparações alcoólicas. Conclusão: devem-se considerar as singularidades dos profissionais com a promoção de processo decisório participativo para garantir a criação de um verdadeiro clima de segurança institucional. Descritores: Higiene das Mãos; Álcoois; Manifestações Cutâneas; Pele; Enfermagem.

ABSTRACT

Objective: to evaluate the tolerance of the skin of nursing professionals to two alcohol-based preparations with the implementation of the protocol "Multimodal Strategy for improving HH". Method: cross-over, randomized and double-blind study with 42 nursing professionals from a public hospital of medium complexity. Results: the use of handrub did not have positive tolerance for the characteristic appearance, but aspects related to integrity and humidity stood out.  I the case of to alcohol gel, here was positive tolerance for appearance and sensation. Higher tolerance was observed after using alcohol gel. For handrub, appearance was the only characteristic that did not show positive tolerance in the self-assessment. In the objective evaluations, there was a decrease of cases of dry and/or red skin and very dry skin with whitish appearance after the use of both alcohol-based preparations. Conclusion: singularities of professionals must be considered, with promotion of participatory decision-making in order to ensure the creation of a true atmosphere of institutional safety. Descriptors: Hands Hygiene; Alcohols; Cutaneous Manifestations; Skin; Nursing.

RESUMEN

Objetivo: evaluar la tolerancia de la piel de profesionales de enfermería en relación a las dos preparaciones alcohólicas con la aplicación del protocolo de la “Estrategia Multimodal para mejoría de HM”. Método: estudio cross-over, aleatorio y duplo-ciego con 42 profesionales de enfermería de un hospital público de media complejidad. Resultados: no hubo tolerancia positiva para el handrub para la característica apariencia, sin embargo se destacaron aspectos relacionados a la integridad y a la humidad.  Para el alcohol en general, hubo tolerancia positiva para apariencia y sensación. Se evidenció mayor tolerancia, después de la utilización del alcohol en general. En la auto-evaluación, para el handrub, solamente la característica apariencia no presentó tolerancia positiva. Para las evaluaciones objetivas, hubo disminución de los casos de piel seca y/o roja, y muy seca con apariencia blanqueada después de la utilización de ambas preparaciones alcohólicas. Conclusión: se deben considerar las singularidades de los profesionales con la promoción del proceso decisivo participativo para garantizar la creación de un verdadero clima de seguridad institucional. Descriptores: Higiene de las Manos; Alcoholes; Manifestaciones Cutánea; Piel; Enfermería.


Palavras-chave


Hand hygiene, Alcohols; Skin manifestations; Skin; Nursing

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v10i8a11361p2923-2932-2016



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios