Violência de gênero: o silêncio e enfrentamento vivido pelas mulheres à luz da fenomenologia social

Luís Paulo Souza e Souza, Antônia Gonçalves de Souza, Tamara Figueiredo, Maria Fernanda Santos Figueiredo Brito, Maísa Tavares de Souza Leite, Kleyde Ventura de Souza

Resumo


RESUMO

Objetivo: compreender a violência de gênero na perspectiva de mulheres inseridas no cotidiano de uma comunidade urbana. Método: estudo de abordagem qualitativa, ancorado na Fenomenologia Social. Os atores sociais foram mulheres adultas que participaram de dez oficinas educativas sobre violência contra a mulher. Resultados: a análise desvelou o vivido na comunidade, enfatizando a percepção do outro em relação ao fenômeno social da violência. Interpretaram-se nas categorias empíricas: o gênero; suas características; as formas de enfrentamento locais; os tipos de violência; e os motivos do silêncio destas mulheres. Conclusão: ao considerar as vivências das mulheres e suas relações sociais, entendendo como a própria mulher, vítima principal da violência baseada no gênero, pensa, visualiza e desenvolve relações sobre o tema, permitiu uma compreensão mais ampla do fenômeno, abarcando questões culturais (experiências), históricas (conhecimento) e sociais (crenças, preconceitos, sentimentos de angustia). Descritores: Violência Doméstica; Violência Contra a Mulher; Relações de Gênero.

ABSTRACT

Objective: to understand gender violence from the perspective of women inserted in the daily life of an urban community. Method: study of qualitative approach, anchored in the Social Phenomenology. The participants were adult women who participated in ten educational workshops on violence against women. Results: the analysis disclosed experiences in the community, emphasizing the perception of the other in relation to the social phenomenon of violence. There was interpretation in the empirical categories: gender; its characteristics; forms of local coping; types of violence; and the reasons for the silence of those women. Conclusion: when considering the experiences of women and their social relations, understanding how the woman herself, main victim of gender-based violence, thinks, views and develops relations on the subject, allowed a broader understanding of the phenomenon, covering cultural (experiences), historical (knowledge) and social (beliefs, prejudices, feelings of anguish) issues. Descriptors: Domestic Violence; Violence Against Women; Gender Relations.

RESUMEN

Objetivo: comprender la violencia de género desde la perspectiva de la mujer en la vida cotidiana de una comunidad urbana. Método: estudio de enfoque cualitativo, anclado en la Fenomenología Social. Los participantes eran mujeres adultas que participaron en diez talleres educativos sobre la violencia contra las mujeres. Resultados: El análisis reveló los fenómenos en la comunidad, haciendo hincapié en la percepción del otro en relación con el fenómeno social de la violencia. Se interpretaron en las categorías empíricas: género; sus características; formas de afrontamiento locales; tipos de violencia; y las razones para el silencio de estas mujeres. Conclusión: considerándose las experiencias de las mujeres y sus relaciones sociales, comprendiendo de cómo la propia mujer, principal víctima de la violencia basada en el género, piensa, visualiza y desarrolla las relaciones sobre el tema, permitió una comprensión más amplia del fenómeno, que abarca cuestiones culturales (experiencias), históricas (conocimiento) y sociales (creencias, prejuicios, sentimientos de angustia). Descriptores: Violencia Doméstica; Violencia Contra la Mujer; Relaciones de Género.


Palavras-chave


Violência doméstica; Violência contra a mulher; Relações de gênero.

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v10i10a11451p3842-3850-2016



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios