Percepção de mães acerca da inclusão escolar de crianças com doença crônica

Maria Benegelania Pinto, Camila Carla Dantas Soares, Nathanielly Cristina Carvalho de Brito Santos, Erika Acioli Gomes Pimenta, Altamira Pereira da Silva Reichert, Neusa Collet

Resumo


RESUMO

Objetivo: compreender como as mães percebem o papel da escola na inclusão de crianças com doenças crônicas. Método: estudo exploratório-descritivo, de abordagem qualitativa, realizado com seis mães cadastradas em unidades de saúde da família. Os dados foram produzidos a partir de entrevistas semiestruturadas e analisados pela técnica de Análise de conteúdo na modalidade Análise Temática. Resultados: as mães compreendem que a doença dos filhos impõe limitações e dificuldades para a permanência na escola, que, por sua vez, ainda não oferece condições necessárias à adaptação e inclusão dos mesmos. Conclusão: torna-se premente analisar as necessidades das crianças e adaptar projetos pedagógicos compatíveis com as condições educacionais de cada uma a fim de que tenham o seu direito à educação garantido e efetivação da sua cidadania. Descritores: Doença Crônica; Inclusão Escolar; Enfermagem Pediátrica.

ABSTRACT

Objective: to understand how mothers perceive the role of the school in the inclusion of children with chronic diseases. Method: an exploratory-descriptive study, with a qualitative approach, carried out with six mothers enrolled in family health units. The data were produced using semi-structured interviews and analyzed by the technique of Content Analysis in the Thematic Analysis modality. Results: Mothers understand that their children's illness imposes limitations and difficulties for their stay in school, which, in turn, does not yet provide the necessary conditions for their adaptation and inclusion. Conclusion: it becomes urgent to analyze the needs of children and adapt pedagogical projects compatible with the educational conditions of each one so that they have their right to guaranteed education and effective citizenship. Descriptors: Chronic Disease; School Inclusion; Pediatric Nursing.

RESUMEN

Objetivo: compreender como as mães percebem o papel da escola na inclusão de crianças com doenças crônicas. Método: estudo exploratório-descritivo, de abordagem qualitativa, realizado com seis mães cadastradas em unidades de saúde da família. Os dados foram produzidos por a partir de entrevistas semiestruturadas e analisadas pela técnica de Análise de conteúdo na modalidade Análise Temática. Resultados: as mães compreendem que a doença dos filhos impõe limitações e dificuldades para a permanência na escola, que, por sua vez, ainda não oferece condições necessárias à adaptação e inclusão das mesmas. Conclusão: torna-se premente analisar as necessidades das crianças e adaptar projetos pedagógicos compatíveis com as condições educacionais de cada uma, a fim de que tenham o seu direito a educação garantido e efetivação da sua cidadania. Descriptores: Las Enfermedades Crónicas; La Inclusión Escolar; Enfermería Pediátrica.

Palavras-chave


Doença crônica; inclusão escolar; enfermagem pediátrica

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v11i3a13495p1200-1206-2017



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios