Acesso, acolhimento e estratégia saúde da família: satisfação do usuário

Letycia Beatriz Souza de Lira, Débora de Souza Santos, Sabrina Joany Felizardo Neves, Patrícia De Carvalho Nagliate, LETYCIA BEATRIZ SOUZA DE LIRA, Elainey De Albuquerque Tenório Pereira, Marília Vieira Cavalcante

Resumo


Objetivo: avaliar o grau de satisfação dos usuários em relação ao Acesso e Acolhimento oferecidos pela Estratégia de Saúde da Família de uma capital do nordeste brasileiro. Método: estudo transversal, descritivo, exploratório, de abordagem quantitativa realizado entre setembro de 2015 e março de 2016, que utilizou questionário de Kloetzel, que aborda questões referentes à qualidade da última consulta no serviço de saúde. Compuseram a amostra 202 indivíduos cadastrados na Unidade de Saúde. Os dados foram consolidados, tabulados e sistematizados com auxílio dos programas Google Documentos, Microsoft Excel e SPSS versão 13.0. Para avaliar a relação entre dados categóricos utilizou-se o teste de qui-quadrado, e para a comparação de média entre os grupos o teste de T para amostras independentes. Resultados: o grau de satisfação dos usuários é positivo, a maior parte dos usuários classifica os serviços prestados como “muito bom” ou “bom”.  Os pontos de maior satisfação foram quanto à “forma de agendamento da consulta” (59%) e “facilidade de acesso” à unidade (54,5%), enquanto que o “tempo despendido na sala de espera” foi o único ponto de insatisfação (62,4%). O grau de satisfação dos usuários não sofreu alterações segundo o perfil sóciodemográfico. Conclusões: o estudo contribui com o tema pesquisado instrumentalizando os profissionais de saúde e gestores quanto à relação existente entre acesso, acolhimento e satisfação do usuário, possibilitando caminhos para a melhoria da qualidade dos serviços da Estratégia Saúde da Família. Descritores: Satisfação do Paciente; Atenção Primária à Saúde; Estratégia de Saúde da Família; Acesso aos Serviços de Saúde.


Palavras-chave


atisfação do Paciente; Atenção Primária à Saúde; Estratégia de Saúde da Família; Acesso aos Serviços de Saúde.

Texto completo:

PDF (English) PDF

Referências


Brandão ALRBS, Giovanella L, Campos CEA. Avaliação da atenção básica pela perspectiva dos usuários: adaptação do instrumento EUROPEP para grandes centros urbanos brasileiros. Ciênc saúde coletiva [Internet]. 2013 [cited 2017 Feb 22];18(1):103-114. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232013000100012&lng=en

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde, Núcleo Técnico da Política Nacional de Humanização. HumanizaSUS: Política Nacional de Humanização [Internet]. Brasília; 2013 [cited 2017 July 20]. 3rd ed. 52 p. Available from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/documento_base.pdf

Brasil. Ministério da Saúde. Política Nacional de Atenção Básica-PNAB [Internet]. Brasília; 2012 [cited 2016 Dec 18]. Avaible from: http://dab.saude.gov.br/portaldab/pnab.php

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde, Núcleo Técnico da Política Nacional de Humanização. Acolhimento nas práticas de produção de saúde [Internet]. Brasília; 2010 [cited 2017 Jan 21]. 2nd ed. Available from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/acolhimento_praticas_producao_saude.pdf

Starfield B. Atenção primária: equilíbrio entre necessidades de saúde, serviços e tecnologia [Internet]. Brasília: Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura/Ministério da Saúde. 2001 [cited 2017 Jan 21];177. Available from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/atencao_primaria_p1.pdf

Mendes ACG, Miranda GMD, Figueiredo KEG, et al. Access to the Family Healthcare Program in an area with “extensive” coverage of the private healthcare system. Ciênc saúde coletiva [Internet]. 2012 [cited 2017 July 22];17(11):2903-12. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232012001100007&lng=en

Campos RTO, Ferrer AL, Gama CAP, Campos GWS, Trapé TL, Dantas DV. Avaliação da qualidade do acesso na atenção primária de uma grande cidade brasileira na perspectiva dos usuários. Saúde debate [Internet]. 2014 [cited 2017 Sept 29];38(spe):252-64. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-11042014000600252&lng=en

Moimaz SAS, Marques JAM, Saliba O, Garbin CAS, Zina LG, Saliba NA. Satisfação e percepção do usuário do SUS sobre o serviço público de saúde. Physis [Internet]. 2010 [cited 2017 Sept 30]; 20(4): 1419-1440. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73312010000400019&lng=en

Dias OV, Vieira MA, Dias JP, Ramos LH. The Dimensions of user satisfaction of the Family Health Program: trust and empathy. Acta paul enferm. [Internet]. 2011 [cited 2018 July 20];24(2):225-31. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-21002011000200011&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002011000200011

Kloetzel K, Bertoni AM, Irazoqui MC, Campos VPG, Santos RN. Quality control in primary health care. I Consumer satisfaction. Cad Saúde Pública [Internet]. 1998 [cited 2017 Mar 31]; 14(3): 263-268. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X1998000300020&lng=en

Jorge MSB, Guimarães JMX, Vieira LB, Paiva FDS, Silva DR, Pinto AGA.. Avaliação da qualidade do Programa de Saúde da Família no Ceará: a satisfação dos usuários. Rev Baiana de Saúde Pública [Internet]. 2007 [cited 2017 Aug 30];31(2):256-66. Avaible from: http://files.bvs.br/upload/S/0100-0233/2007/v31n2/a258-268.pdf

Mishima SM, Pereira FH, Matumoto S, et al . Assistance in family health from the perspective of users. Rev Latino-Am Enfermagem. [Internet]. 2010 [cited 2017 Feb 22];18(3):436-43. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692010000300020&lng=en

Fleury S. Poverty, inequalities or exclusion?. Ciênc. saúde coletiva [Internet]. 2007 [cited 2017 Fev 22]; 12(6):1422-25. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232007000600003&lng=pt

Santiago RF, Mendes ACG, Miranda GMD, Duarte PO, Furtado MASM, Souza WV. Qualidade do atendimento nas Unidades de Saúde da Família no município de Recife: a percepção do usuários. Ciênc. saúde coletiva [Internet]. 2013 [cited 2017 Oct 10] ; 18(1):35-44. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232013000100005&lng=en

Zils AA, Castro RCL, Oliveira MMC, Harzheim E, Duncan BB. Satisfação dos usuários da rede de Atenção Primaria de Porto Alegre. Rev Bras Med Fam e Com [Internet]. 2009 [cited 2016 Dec 21]; 4(16): 270-276. Avaible from: http://www.rbmfc.org.br/rbmfc/article/viewFile/233/184

Cunha ABO, Vieira-da-Silva LM. Acessibilidade aos serviços de saúde em um município do Estado da Bahia, Brasil, em gestão plena do sistema. Cad. Saúde Pública [Internet]. 2010 [cited 2017 Apr 22];26(4):725-37. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2010000400015&lng=en




DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i9a234878p2334-2340-2018



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios