Direito à saúde à população em situação de rua

Jussiana Pereira Nascimento, Carolina Teixeira Santos, Sheylla Nayara Salles Vieira, Tatiana Costa Nery, Gislene Sanches Cruz, Mona Freitas Santos, Lays Santos França, Andresa Teixeira Santos

Resumo


RESUMO

Objetivo: descrever a experiência de uma oficina realizada com pessoas em situação de rua sobre Direito à Saúde. Método: trata-se de um estudo descritivo, tipo relato de experiência, realizado durante o desenvolvimento da disciplina Saúde do Homem de um Curso de Enfermagem. Elencou-se como campo da pesquisa um Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua que atende 18 usuários de ambos os sexos, jovens, adultos e idosos. Apresentaram-se os resultados em forma de relato. Resultados: observou-se que a percepção dos usuários em relação ao conceito de saúde está atrelada ao senso de saúde como a ausência da doença, e apenas um participante demonstrou um conhecimento mais amplo sobre a percepção de saúde ao usar o termo felicidade para afirmar que é saudável. Conclusão: entende-se que as políticas públicas voltadas para a validação do direito à saúde à população em situação de rua ainda precisam ser aperfeiçoadas com a execução de estratégias específicas que tenham o intuito de promover e proteger a saúde de tais indivíduos que são extremamente vulneráveis ao adoecimento. Descritores: Direito à Saúde; População em Situação de Rua; Políticas Públicas; Consultórios na Rua; Saúde Pública; Acolhimento.

ABSTRACT

Objective: to describe the experience of a workshop held with street people on the Right to Health. Method: this is a descriptive study, an experience report, carried out during the development of the discipline Saúde Man in a Nursing Course. As a field of research, a Special Reference Center for Population in Street Situation was set up, serving 18 users of both sexes, young people, adults and the elderly. The results were presented in the form of a report. Results: it was observed that the perception of the users in relation to the concept of health is linked to the sense of health as the absence of the disease, and only one participant demonstrated a wider knowledge about the health perception when using the term happiness to affirm that It's healthy. Conclusion: it is understood that public policies aimed at the validation of the right to health for the street population still need to be improved with the implementation of specific strategies aimed at promoting and protecting the health of such individuals who are extremely vulnerable to illness. Descritores: Right to Health; Homeless Population; Public Policy; Offices on the Street; Public Health; Host.

RESUMEN

Objetivo: describir la experiencia de un taller realizado con personas en situación de calle sobre Derecho a la Salud. Método: se trata de un estudio descriptivo, tipo relato de experiencia, realizado durante el desarrollo de la asignatura Salud del Hombre de un Curso de Enfermería. Se estableció como campo de investigación un Centro de Referencia Especializado para Población en Situación de Calle que atiende a 18 usuarios de ambos sexos, jóvenes, adultos y ancianos. Se presentaron los resultados en forma de relato. Resultados: se observó que la percepción de los usuarios en relación al concepto de salud está relacionada al sentido de salud como la ausencia de la enfermedad, y sólo un participante demostró un conocimiento más amplio sobre la percepción de salud al usar el término felicidad para afirmar que es saludable. Conclusión: se entiende que las políticas públicas orientadas a la validación del derecho a la salud a la población en situación de calle todavía necesitan ser perfeccionadas con la ejecución de estrategias específicas que tengan la intención de promover y proteger la salud de tales individuos que son extremadamente vulnerables a la enfermedad. Descritores: Derecho a la Salud; Población en Situación de Calle; Políticas Públicas; Consultorios en la Calle; Salud Pública; Recepción.


Palavras-chave


Direito à saúde; População em situação de rua; Políticas públicas; Consultórios na rua; Saúde pública; Acolhimento

Texto completo:

PDF (English) PDF

Referências


Brasil. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Supremo Tribunal Federal [Internet]. 1988 [cited 2018 Nov 05]. Available from: http://www.stf.jus.br/arquivo/cms/legislacaoConstituicao/anexo/CF.pdf

Tilio R, Oliveira J. Attention and health care of the people living on the streets (uberaba/brazil). Psicologia em Estudo [Internet]. 2016 [cited 2018 Nov 05];21(1):101-113. Available from: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=287146384012

Paiva IKS, Lira CDG, Justino JMR, Miranda MGO, Saraiva AKM. Homeless people’s right to health: reflections on the problems and components. Ciênc. saúde coletiva [Internet]. 2016 [cited 2018 Nov 09];21(8):2595-2606. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232016000802595&lng=en.

Brasil. Manual Saúde Da População Em Situação De Rua Um Direito Humano. Brasília, Ministério da Saúde [Internet]. 2014[cited 2018 Nov 09]. Available from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/saude_populacao_situacao_rua.pdf.

Brasil, Decreto nº 7.053 que institui a Política Nacional para a População em Situação de rua. Presidência da República [Internet]. 2009 [cited 2018 Dec 02]. Available from: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2009/decreto/d7053.htm.

Brasil. ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE. Relatório Mundial da Saúde: Financiamento dos Sistemas de Saúde. OMS [Internet]. 2010 [cited 2018 Dec 02]. Available from: http://www.who.int/entity/eportuguese/publications/WHR2010.pdf?ua=1

Júnior IFB, Pavani M. O Direito à Saúde na Ordem Constitucional Brasileira. R. Dir. Gar. Fund., [Internet]. 2013 [cited 2018 Dec 11];14(2):71-100. Available from: http://sisbib.emnuvens.com.br/direitosegarantias/article/view/263/182.

Abreu D, Oliveira WF. Atenção à Saúde da População em Situação de Rua: um Desafio para o Consultório na Rua e Para o Sistema Único de Saúde. Cad. Saúde Pública [Internet]. 2017 [cited 2018 Dec 11];33(2). Available from: https://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2017000207001

Louzada LO. Análise das práticas das primeiras equipes de Consultório na Rua do RJ: caminhos para o exercício da Clínica Ampliada na perspectiva dos profissionais. 2015. 125 f. Dissertação (Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, [Internet]. 2015 [cited 2018 Dec 15]. Available from: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/14046

Santana, C. Consultórios de Rua ou Na Rua? Reflexões sobre Políticas de Abordagem à Saúde da População de Rua. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, [Internet]. 2014 [cited 2018 Dec 15];30(8):1798-1800. Available from: http://www.scielo.br/pdf/csp/v30n8/0102-311X-csp-30-8-1798.pdf

Silva CC, Cruz MM, Vargas EP. Care practices and homeless population: the street clinic case. Saúde Debate, Rio de Janeiro [Internet]. 2015 [cited 2018 Dec 16];39(spe):246-256. Available from: http://www.scielo.br/pdf/sdeb/v39nspe/0103-1104-sdeb-39-spe-00246.pdf

Separavich MA, Canesqui AM. Saúde do homem e masculinidades na Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem: uma revisão bibliográfica. Saude soc. [Internet]. 2013 [cited 2019 Jan 09]; 22(2): 415-428. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12902013000200013&lng=en.

Da Silva PLN, Maciel MM, Carfesan CS, Santos S, de Souza JR. Política de atenção à saúde do homem no Brasil e os desafios da sua implantação: uma revisão integrativa. Enferm. glob. [Internet]. 2013 [citado 2019 Jan 10]; 12(32): 381-413. Available from: http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1695-61412013000400024&lng=pt.

Oliveira MM, Daher DV, Silva JLL, Andrade SSCA. A saúde do homem em questão: busca por atendimento na atenção básica de saúde. Ciênc. saúde coletiva [Internet]. 2015 [citado 2019 Fev 09]; 20(1):273-278. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232015000100273&lng=pt.

Brasil. Política Nacional de Atenção Básica. Brasília, Ministério da saúde [Internet]. 2012 [citado 2019 Fev 09]. Available from: 89.28.128.100/dab/docs/publicacoes/geral/pnab.pdf.




DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963.2019.239841



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios