Cuidado humanizado às mulheres em situação de abortamento: uma análise reflexiva

Laís Montenegro Lima, Sabrina de Santana Gonçalves, Diego Pereira Rodrigues, Alane da Silva Clemente Araújo, Amanda de Medeiros Correia, Alana Priscilla da Silva Viana

Resumo


RESUMO  

Objetivo: discutir, a partir da análise reflexiva, acerca da assistência ofertada a mulher em situação de abortamento. Método: estudo qualitativo, do tipo análise reflexiva, originado na iniciação científica do curso de graduação em enfermagem, mediante das seguintes etapas: busca nas bases de dados, leitura do material selecionado, movimento da práxis analítica da temática, e formulação do material escrito. Resultados: as mulheres que realizam o aborto são submetidas ao desrespeito frente a sua escolha, culpabilizadas pela família, profissionais de saúde e sociedade, discriminadas e marginalizadas, e carecem de apoio de ordem física, emocional e psicológica. Conclusão: o cuidado deve ser focalizado na mulher, de forma integral, e articular para a qualidade e humanização da assistência. Devendo, o respeito as suas escolhas, sem o julgamento em que muitos profissionais executam, e desrespeitando as mulheres em situação de abortamento. Descritores: Abortamento Inseguro; Aborto espontâneo; Aborto Criminoso; Atendimento Emergencial; Humanização da Assistência; Enfermagem Obstétrica.

ABSTRACT

Objective: to discuss, based on the reflexive analysis, the assistance offered to women in situation of abortion. Method: qualitative study, of the reflexive analysis type, originated in the scientific initiation of the undergraduate nursing course, through the following steps: searching the databases, reading the selected material, moving the analytical praxis of the subject, and formulating written material. Results: women who undergo abortion are subjected to disrespect before their choice, blamed by the family, health professionals and society, discriminated and marginalized, and lack physical, emotional and psychological support. Conclusion: care should be focused on the woman, in an integral way, and articulate for the quality and humanization of care. They should respect their choices, without the judgment that many professionals carry out, and disrespect women in situation of abortion. Descpritors: Unsafe Abortion; Abortion Spontaneous; Abortion Criminal; Emergency Care; Humanization of Care; Obstetric Nursing.

RESUMEN

Objetivo: discutir la asistencia ofrecida a mujer en situación de aborto a partir de un análisis reflexivo. Método: estudio cualitativo, del tipo análisis reflexivo, a partir de la iniciación científica del curso de graduación en enfermería, mediante las siguientes etapas: búsqueda en las bases de datos, lectura del material seleccionado, movimiento de la praxis, analítica de la temática y formulación del material escrito. Resultados: las mujeres que realizaron el aborto son sometidas sin respeto frente a su elección, culpabilizadas por la familia, profesionales sanitarios y sociedad, discriminadas y marginadas, careciendo apoyo de orden físico, emocional y psicológico. Conclusión: el cuidado debe enfocarse en la mujer, de forma integral, y articularlo para la calidad y humanización de la asistencia. El respeto a sus elecciones debe verificarse sin juzgamientos realizados por muchos profesionales ni falta de respeto a las mujeres en situación de aborto. Descritores: Aborto Inseguro; Aborto Espontâneo; Aborto Criminal; Atención de Emergencia; Humanización de la Atención; Obstetricia.


Palavras-chave


Abortamento Inseguro; Atendimento Emergencial; Humanização da Assistência; Enfermagem Obstétrica.

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v11i12a25126p5074-5078-2017



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios