MAPEAMENTO GEOLÓGIO-GEOMORFOLÓGICO DO SETOR NORTE DA ILHA DE SANTA CATARINA

Joel Robert Georges Marcel Pellerin, Edison Ramos Tomazzoli, Fernanda Bauzys, Graziela Maziero Pinheiro Bini, Harideva Marturo Égas, Solange Richartz Wilvert

Resumo


Este trabalho apresenta o mapeamento geológico-geomorfológico do setor norte da Ilha de Santa Catarina, na escala de 1:10.000, que possui como objetivo identificar, delimitar e descrever os aspectos de relevo, das litologias e estruturas geológicas que criam os cenários do meio físico. Este mapeamento foi realizado através de consultas bibliográficas, interpretação de fotografias aéreas, trabalhos de campo, descrição das amostras de rochas e sedimentos. O modelado de dissecação da área é formado por rochas do embasamento cristalino, com granitos, riolitos, aplitos e cataclasitos de idade pré-cambriana, cortados por diques de rocha básica do período Cretáceo, que condicionam um relevo com vertentes inclinadas, vales profundos, preferencialmente orientados por falhas retilíneas, com campo de matacões e pequenos patamares escalonados pelas falhas, que em contato com a energia das ondas formam os costões rochosos e, as bacias suspensas oriundas do controle estrutural. O modelado de acumulação é formado pelo sistema deposicional continental e transicional, que conferem ao relevo as feições de rampas de colúvio, terraços marinhos, cordões arenosos e planícies alagadas, que estão sendo intensamente ocupados pelo homem. As informações resultantes deste mapeamento são fundamentais para os estudos geoambientais e para a ocupação da terra, configurando numa importante ferramenta para a gestão do território.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJLATINDEX
ROADDRJI
PERIÓDICOS CAPES