PERFIS BAUXÍTICOS DO PLANALTO DE POÇOS DE CALDAS SP/MG - ANÁLISE GEOQUÍMICA E POSIÇÃO NA PAISAGEM

Fernanda Aparecida Leonardi, Francisco Sérgio Bernardes Ladeira, Marcilene dos Santos

Resumo


Este trabalho tem como objetivo principal classificar os perfis bauxíticos do planalto de Poços de Caldas segundo análise geoquímica e suas posições na paisagem. Primeiramente fez-se um mapeamento dos perfis bauxíticos na área, com observações de campo. Posteriormente foi realizado análise geoquímica para diferenciá-los e relacioná-los com outros perfis anteriormente mapeados e também relacioná-los com a posição que eles se encontram na paisagem. Encontraram-se no planalto três tipos de perfis bauxíticos: os perfis de Serra, de Campo e Retrabalhados. Conclui-se que os perfis bauxíticos de Serra estão no topo do planalto, na maioria acima de 1400m, os de campo estão em sua maioria na meia-encosta, entre 1300 e 1400m e os Retrabalhados abaixo de 1400m. Nota-se também de que os Perfis Bauxíticos Retrabalhados têm sua origem nos Perfis Bauxíticos de Serra, indicando uma maior altimetria dos perfis lateríticos de Serra na formação dos depósitos, entretanto ocorrem algumas exceções, como alguns perfis Retrabalhados que estão no mesmo patamar que perfis de Serra e perfis de Serra em patamares de perfis de Campo e ainda, patamares onde poderiam encontrar perfis de Serra, encontram-se rochas frescas. Estas evidências indicam a importância da tectônica na área.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJLATINDEX
ROADDRJI
PERIÓDICOS CAPES