O CONFLITO E O TRABALHO CAMPONÊS NA OBRA DE JOÃO DO VALE

Savio Jose Dias Rodrigues, Raira Maria Jaci de Sá Barrêto

Resumo


Este artigo tem o intuito de fazer uma análise do antagonismo entre latifúndio e trabalho camponês na obra de João do Vale, trazendo elementos que se evidenciam da relação conflituosa entre o camponês e o latifundiário nas suas músicas, poesias e depoimentos. Parte-se do pressuposto de que a arte é feita a partir de um contexto sócio-espacial, assim, ela é representação dessa realidade a que o artista está inserido. O trabalho foi feito a partir de shows que João do Vale fez, como por exemplo, o show “Opinião”, em que ele dá o depoimento de sua vida, e também de comentários feitos a respeito de música, bem como trechos das próprias músicas/poemas dele.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJ
ROADDRJI

PERIÓDICOS CAPES

 

 

 

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos: a) Autores mantém os direitos autorais e concedem à  revista o direito de primeira publicação, com o trabalho licenciado sob a Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. b) Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado. c) Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de uso gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais.