A QUALIDADE DA ÁGUA COMO INDICADOR AMBIENTAL NO COMPLEXO LACUSTRE COSTEIRO DA SAPIRANGA- FORTALEZA/CE

Marcelo de Oliveira Moura, José Lidemberg de Sousa Lopes, Maria Elisa Zanella, Marta Celina Linhares Sales

Resumo


O estudo consiste em apresentar o cenário das condições limnológicas do Complexo lacustre costeiro da Sapiranga, por meio de parâmetros e condições que definem a qualidade da água, visando dessa forma ofertar subsídios à gestão ambiental da APP, bem como da APA da Sabiaguaba, onde se insere o recurso hídrico. Para esse fim, a pesquisa considera como referencia teórica e metodológica os trabalhos de: Tricart (1977), Fortaleza (1978, 2007), Porto, Branco & Luca (1991), Claudino-Sales (1993); Brasil (2005) e outros pesquisadores que tratam de estudos limnológicos a nível nacional e internacional. Os resultados revelam que o ecossistema lacustre já em processo de eutrofização de suas águas já é presente. Os valores de amônia, nitrito e fósforo indicam o fenômeno de eutrofização nesse ambiente lêntico, contudo os valores de OD revelam que essa situação não é grave.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJLATINDEX
ROADDRJI
PERIÓDICOS CAPES