ENTRE O DISTANTE E O PRESENTE: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES URBANAS SOBRE A CIDADE DE ICÓ-CEARÁ

Enos Feitosa Araujo

Resumo


Nas duas últimas décadas, a dinâmica urbana amplia-se no continente brasileiro por meio da adoção de políticas públicas diretas e indiretas de interiorização. Nesse contexto, o Nordeste brasileiro passa por transformações socioespaciais que implicaram a reestruturação de suas redes urbanas. No caso do Ceará, a rede urbana no século XX consolida-se perante a relevância da capital Fortaleza às antigas cidades interioranas. Uma delas, a cidade de Icó, conhecida até o século XIX como uma das mais importantes do estado, passa por várias crises econômicas, distanciando-se cada vez mais dos maiores fluxos econômicos cearenses. Assim, na atualidade, a cidade de Icó possui uma relevante posição entre os municípios do seu entorno, mas exerce uma função coadjuvante em comparação com outras cidades do Ceará que desempenham um papel econômico de maior expressão. Várias ações políticas e socioespaciais, porém, abrem novos rumos para o desenvolvimento econômico e espacial de Icó, sinalizando possíveis mudanças significativas na cidade e na rede urbana do Ceará. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJLATINDEX
ROADDRJI
PERIÓDICOS CAPES