ANÁLISE DA VARIABILIDADE ESPAÇO-TEMPORAL DA PRECIPITAÇÃO NAS SUB-BACIAS DO RIO TAPEROÁ E DO ALTO CURSO DO RIO PARAÍBA

Daisy Beserra Lucena, JOÃO VICTOR PEQUENO DE OLIVEIRA, AMANDA RIBEIRO DE ANDRADE, PAULO RICARDO CAVALCANTE DE LIMA

Resumo


O estudo do comportamento espacial e temporal da pre­cipitação é de grande relevância para o mapeamento, planejamento e gerenciamento dos recursos hídricos, tendo em vista a alta variabilidade constatada na região semiárida onde está inserido o Açude Epitácio Pessoa (Boqueirão). Diante do exposto o objetivo deste trabalho foi a análise espaço-temporal da precipitação nas sub-bacias hidrográficas que abastecem o Açude Epitácio Pessoa com o intuito de um conhecimento melhor de sua variabilidade. Para tanto foi aplicado os métodos de Thiessen, da média aritmética e o traçado de isolinhas de precipitação tendo como base dados de precipitação mensal para o período de 1970 a 2015. Os resultados corroboraram com os estudos existentes na região com relação ao total anual e ao período chuvoso (fevereiro-maio). Foi observado uma redução dos volumes pluviométricos no período mais recente (1994 a 2015), isso tanto em escala anual como no período chuvoso. Os mapas espaciais pelo método de Thiessen e das isoietas apresentaram o mesmo comportamento de aumento da precipitação de leste para oeste e também a diminuição nos períodos mais recentes.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJ
ROADDRJI

PERIÓDICOS CAPES

 

 

 

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos: a) Autores mantém os direitos autorais e concedem à  revista o direito de primeira publicação, com o trabalho licenciado sob a Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. b) Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado. c) Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de uso gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais.