ROMARIA DA FLORESTA: A FÉ ENTRE TERRITORIALIDADES E RESISTÊNCIAS

Jose Marcelo Andrade Ferreira

Resumo


A Romaria da Floresta é uma manifestação religiosa e política, organizada pela Comissão Pastoral da Terra
(CPT) e realizada no município de Anapu, no Estado do Pará. Surgiu após o assassinato da Missionária norteamericana
Dorothy Stang e foi uma forma de denunciar a violência no espaço agrário do município e de
homenageá-la. Seu itinerário possui diversas manifestações da cultura no espaço, como: lugares simbólicos,
formas simbólicas e memoriais. Os lugares e formas simbólicas estão relacionados com a história de resistência
do campesinato e com a história de vida da Missionária Dorothy Stang. O trabalho em questão trata de um
estudo qualitativo, tendo, como instrumentais metodológicos, observações, entrevistas e revisão da literatura.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJLATINDEX
ROADDRJI
PERIÓDICOS CAPES