USO DO SIG NA CLASSIFICAÇÃO DAS UNIDADES DE RELEVO NO MUNICÍPIO DE TOROPI - RS

Bruno Casanova Vilaverde Gomes, Daniélli Flores Dias, Luís Eduardo de Souza Robaina, Romario Trentin

Resumo


O relevo é um dos principais definidores das unidades ambientais, de modo que sua compartimentação se apresenta com estreita relação à distribuição dos demais atributos de gênese da paisagem. O objetivo desse estudo é estabelecer uma compartimentação do relevo do município de Toropi, localizado no estado do Rio Grande do Sul, com a utilização de bases cartográficas em formato digital associadas ao Sistema de Informação Geográfica, através de métodos automatizados e com a integração de variáveis morfométricas. A análise considerou os seguintes parâmetros: hipsometria, declividade e amplitude da encosta. A classificação permitiu descrever as diferentes unidades de relevo e aponta suas principais características, identificando áreas de maior ou menor fragilidade, quando associada ao substrato litológico. A classificação feita por meio do Sistema de Informação Geográfica, com dados altimétricos SRTM, mostrou ser bastante eficiente, pois representa as características observadas em campo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJLATINDEX
ROADDRJI

PERIÓDICOS CAPES