Inserção do Patrimônio da União e do Terceiro Setor na Produção de Habitação Social: potencialidades e desafios à redução da exclusão urbana

Jennifer dos Santos Borges

Resumo


Diante da tendência, que cada vez mais se consolida com o desenvolvimento do capitalismo no mundo globalizado, à produção de exclusão socioespacial, especialmente no meio urbano, garantir o cumprimento da função social da propriedade, seja ela privada ou pública, constitui-se em um dos objetivos centrais de um planejamento urbano voltado para a construção de cidades mais justas. Esse propósito encontra-se respaldado legal e institucionalmente como princípio da política urbana no Brasil; na prática, no entanto, sua implementação depara-se com sérios desafios. E mesmo diante de importantes potencialidades identificadas, por exemplo, na aplicação dos imóveis pertencentes à União em projetos de habitação social, tendo a inserção do terceiro setor em parceria com o Estado na execução desses projetos, ainda se verificam fortes barreiras à consecução dos objetivos traçados. Neste trabalho, procura-se apontar as potencialidades e barreiras identificadas nessa situação específica, com vistas a dialogar com a abordagem teórica mais ampla sobre a produção da habitação social na perspectiva da redução da exclusão urbana.

Palavras-chave


Habitação social, Política Urbana, Patrimônio da União, Terceiro Setor

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

  

Dialnet

 

 

 

 

Revista MOVIMENTOS SOCIAIS E DINÂMICAS ESPACIAIS

Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); Telefone: +55 (81)2126-7372; E-mail: revistamsde@gmail.com

Recife - Pernambuco - Brasil

 

 Licença Creative Commons

 A Revista Movimentos Sociais e Dinâmicas Espaciais foi licenciada com uma Licença Creative Commons