Os serviços prestados por entidades do movimento social no recife – PE: o caso dos bairros de Torrões e de Engenho do Meio

Heverton Rlaph Arcanjo Batista da Silva

Resumo


Propondo estudar os serviços prestados por entidades dos movimentos sociais no Recife, o artigo busca demonstrar, através do caso dos bairros de Torrões e de Engenho do Meio, a importância da organização popular para o auto-suprimento de serviços essenciais para sua sobrevivência, uma vez que o Estado, principal responsável por essa tarefa, tem se abstido de tal responsabilidade. Dessa forma, num contexto geográfico de segregação espacial, em que a sociedade urbana encontra-se em constante conflito entre as forças dominantes e as dominadas discute-se, ao longo do trabalho, o papel vital desempenhado pelos movimentos sociais para a sobrevivência das camadas mais pobres da população, como também, para sua inclusão social e a garantia de sua cidadania. Assim, após realizar um breve histórico da participação popular no Recife e efetuar um levantamento tipológico das principais entidades sociais nestes bairros, o trabalho chega à conclusão de que a pesquisa não se encerra em si mesma, abrindo um espaço fértil para futuros debates sobre o papel dos movimentos populares e seu caráter reivindicatório junto ao poder público.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

  

Dialnet

 

 

 

 

Revista MOVIMENTOS SOCIAIS E DINÂMICAS ESPACIAIS

Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); Telefone: +55 (81)2126-7372; E-mail: revistamsde@gmail.com

Recife - Pernambuco - Brasil

 

 Licença Creative Commons

 A Revista Movimentos Sociais e Dinâmicas Espaciais foi licenciada com uma Licença Creative Commons