Ações de responsabilidade social como elemento da governança em complexos imobiliários: quais as intencionalidades na Reserva do Paiva?

Adauto Gomes Barbosa

Resumo


O artigo analisa as ações de responsabilidade social no complexo imobiliário Reserva do Paiva, apontando seus limites, desafios e incongruências entre o que se propõe e o que de fato se coloca como prioritário na governança desse complexo imobiliário. Sobre tais ações são apontadas três questões de fundo: a) são necessárias para as boas externalidades de vizinhança; b) fazem parte do marketing social das empresas; e, c) criam novos arranjos institucionais. São analisadas as ações de responsabilidade social no entorno da Reserva do Paiva, como a construção da agenda 21 local, papéis da vida, costurando vidas, ponte para a educação, construção do centro de capacitação de Itapuama, ações de empreendedorismo social, dentre outras. Conclui-se que malgrado tenham importância pontual, essas ações servem mais para lastrear as estratégias de consolidação do negócio imobiliário do que propriamente para a transformação estrutural da realidade social das populações do entorno.


Palavras-chave


Responsabilidade social; marketing social; Reserva do Paiva.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

  

Dialnet

 

 

 

 

Revista MOVIMENTOS SOCIAIS E DINÂMICAS ESPACIAIS

Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); Telefone: +55 (81)2126-7372; E-mail: revistamsde@gmail.com

Recife - Pernambuco - Brasil

 

 Licença Creative Commons

 A Revista Movimentos Sociais e Dinâmicas Espaciais foi licenciada com uma Licença Creative Commons