Movimentos sócio-territoriais urbanos: a resistência dos sem-teto do ‘Quilombo Lucas da Feira’ (Feira de Santana-Bahia-Brasil)

Oriana Araujo

Resumo


O artigo apresenta uma caracterização da Ocupação Quilombo Lucas da Feira, em Feira de Santana, vinculado ao Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto da Bahia (MSTB), no Estado da Bahia, no Brasil. O texto resulta de pesquisa bibliográfica, da sistematização de dados secundários, além dos primários - advindos de trabalhos de campo, da observação simples e da aplicação de entrevistas não estruturadas e semiestruturadas realizadas com acampados e coordenação do MSTB. Realizamos uma breve caracterização do crescimento urbano, do déficit habitacional e da exclusão social em Feira de Santana. Investigamos as principais ações sócio-espaciais da luta empreendida, seus mecanismos de gestão interna, articulação externa e relação com outros agentes produtores do espaço urbano. A ‘Ocupação Quilombo Lucas da Feira’ que já possuiu 87 famílias acampadas, conta com 34 famílias efetivamente acampadas, 22 casas construídas e diversos barracos: heróis da resistência em busca de uma (re)existência.


Palavras-chave


Moradia, exclusão social, MSTB.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

  

Dialnet

 

 

 

 

Revista MOVIMENTOS SOCIAIS E DINÂMICAS ESPACIAIS

Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); Telefone: +55 (81)2126-7372; E-mail: revistamsde@gmail.com

Recife - Pernambuco - Brasil

 

 Licença Creative Commons

 A Revista Movimentos Sociais e Dinâmicas Espaciais foi licenciada com uma Licença Creative Commons