França: Movimento Social dos “Coletes Amarelos”

Beatriz Maria Soares Pontes

Resumo


O presente estudo tem por objetivo analisar o movimento social dos Coletes Amarelos que, desde novembro de 2018, vem se realizando na França. Os manifestantes reivindicam: a redução nos impostos sobre combustíveis, a reintrodução do imposto sobre fortunas, o aumento do salário mínimo, assim como, políticas de melhoria da democracia representativa, mais precisamente, o Referendo de Iniciativa Cidadã, além do impeachment do Presidente francês, Emmanuel Macron. O Governo francês que é, atualmente, representado pela burguesia do País, com propósitos neoliberais, tem visto, com reserva, as aludidas manifestações e têm uma visão muito negativa dos reivindicantes. Além disso, ocorreram violências quer da parte dos manifestantes, quer da polícia que representa os mantenedores da ordem pública. A jurisprudência francesa, nem sempre tem sido justa, em relação aos Coletes Amarelos. Todavia, levando-se em consideração, não apenas, a situação socioeconômica e política da França, como também, da comunidade global, que apresenta grandes desigualdades sociais, consideramos pertinentes as reivindicações dos manifestantes franceses que, continuam o seu movimento social, até hoje, com a realização das suas lutas todas os finais de semana. O movimento social do “Coletes Amarelos” emergiu, significativamente, através das redes sociais (meio tecnológico). As redes, assim como qualquer relação social, estão sempre impregnadas pelo poder, pelo conflito, bem como pelas possibilidades de solidariedade, de reciprocidade e de compartilhamento. Como o movimento ainda está em processo, o principal resultado diz respeito a grande persistência dos trabalhadores franceses nas lutas em favor dos seus direitos humanos e trabalhistas, portanto trata-se de um movimento que apesar de ter recorrido a um meio tecnológico teve a sua evolução e desenvolvimento claramente analisável, através do método dialético.


Palavras-chave


Movimentos Sociais. Coletes Amarelos. Burguesia Francesa. Violência. Atos Jurídicos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

          

         

    

 

 

 

 

REVISTA MOVIMENTOS SOCIAIS E DINÂMICAS ESPACIAIS (ISSN: 2238-8052)

Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Departamento de Ciências Geográficas, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Cidade Universitária, Av. Prof. Moraes Rego, n. 1235, CEP: 50670-901, Recife, Pernambuco, Brasil

Tel.: +55 (81)2126-7369

E-mail: revistamsde@gmail.com

 

 Licença Creative Commons

 A Revista Movimentos Sociais e Dinâmicas Espaciais foi licenciada com uma Licença Creative Commons